Entrevista com Zafer Coban – lead animator de Batman: Arkham City

Tags: Batman Arkham City, Batman Arkham City entrevista, Zafer Coban, Zafer Coban entrevista, Zafer Coban interview

Durante a Brasil Game Show tive a grande oportunidade de entrevistar, Zafer Coban, lead animator de Batman Arkham City. O animador da Rocksteady Studios conversou um pouco com o Girls of War depois de apresentar uma bombástica demonstração de quase 25 minutos do jogo (meu braço doeu horrores para gravar o vídeo) no palco principal da feira.

- Confira a entrevista:

Zafer Coban

Zafer Coban

1) Batman Arkham City é um dos jogos mais esperados do ano. Todos costumam dizer que Batman Arkham Asylum é um dos melhores jogos de HQ já feitos. Agora com Arkham City, tem-se um novo desafio: como este novo jogo pretende superar o antecessor?

Zafer Coban: Nosso desafio foi mesmo fazer um game ainda melhor que Arkham Asylum. Temos novas features no jogo, uma grande nova história – que é sequência do antecessor. Aperfeiçoamos os sistemas de combate com movimentos que utilizam o ambiente, novos “knockdowns”, e coisas do tipo. Outra grande mudança foi o fato do primeiro jogo ser bem mais claustrofóbico e agora você tem todo um mundo aberto para explorar, cinco vezes maior que o do jogo anterior o que te dará mais liberdade de ser o Cavaleiros das Sombras.

2) Alguns fãs do jogo anterior disseram que realmente gostaram de todas as missões secundárias e mini games em Arkham Asylum como os enigmas, encontrar as entrevistas de áudio e os arquivos escondidos. Essas missões estarão de volta no próximo game?

Zafer: Com certeza. Espalhando essas mini quests por todo o mundo de Arkham City. Algumas dessas missões são fáceis outras mais difícieis. Teremos pequenas missões como a mostrada na apresentação da demo na BGS, onde serão necessário desativar cabos de força para atravessar certas áreas, bater em tijolos pelas paredes para detectar passagens.

A ideia é dar aos jogadores várias outras opções de entretenimento no jogo e não fazer com ele pense em algo do tipo: “ah, é um jogo de mundo aberto, mas a história ainda é muito linear”. Inserir essas side quests possibilita enriquecer mais a experiência e a imersão no jogo.

3) O adorável Coringa está de volta e mais louco que nunca (se é que isso é possível). Ele terá um papel mais atuante em Arkham City e será o inimigo principal do jogo ou Batman terá surpresas maiores durante sua jornada?

Zafer: Eu acredito que Coringa tem crescido a cada novo jogo de Batman. Mesmo sempre tendo outros inimigos no game, Coringa é praticamente o Top de todos eles. Nós o amamos da mesma forma. O quanto de envolvimento ele terá em Arkham City – em relação aos outros inimigos – isso nós não podemos revelar ainda. Mas posso dizer que teremos muitos personagens tão perigosos quanto ele no jogo.

4) Os jogadores apenas terão a opção de controlar Batman ou o jogo dará a opção de controle de outros personagens? E como essa jogabilidade de múltiplos personagens será aplicada na história? Essa escolha de personagens acontecerá dentro do jogo principal ou de forma separada?

Zafer: A história da Mulher Gato, uma das personagens extras que podem ser jogadas, também faz parte do gameplay da história – assim como os outros personagens que irão aparecer. Não é uma questão de escolha, você terá que jogar com esses outros personagens durante as mais de 25 horas de game. A mulher Gato também pode ser jogada no modo Desafio, assim como Robin. Com isso o jogador poderá experimentar diferentes pontos de vista de gameplay, já que cada personagem jogável tem suas próprias características de combate.

5) Ao que parece o jogo terá diferentes gangues infestando a cidade dessa vez. Quem são eles e como eles farão da vida de Batman um inferno na Terra?

Zafer: Há dois tipos de facções criminosas no jogo e os membros das gangues se dividirão em: capangas do Coringa e capangas do Pinguim. Todos eles vão se esforçar muito para fazer a vida de Batman “maravilhosa” e o mais “emocionante” possível. Cada gangue trará desafios distintos a Batman forçando o Homem Morcego a se adaptar a cada nova situação de conflito.

6) Esses serão os momentos finais do Coringa? Tanto a comic quanto o trailer dão a dica de que ele estaria muito doente e, possivelmente, morrendo. O que está acontecendo com o pobrezinho? Não o mate!

Zafer: (Risos) Nós não podemos anunciar muito sobre o que está acontecendo com o Coringa. Tudo o que posso dizer é que ele está mesmo doente graças aos eventos do primeiro jogo. E, infelizmente, isso é tudo o que posso dizer no momento.

7) O quão cansativo foi desenvolver um jogo mundo aberto, cinco vezes maior que Arkham Asylum, e fazê-lo em apenas dois anos?

Zafer: Arkham City é sem dúvida maior que Asylum, isso é claro. Nos mobilizamos de forma intensa para terminar o jogo dentro do prazo…

- Com todo esse trabalho, vocês em algum momento se alimentaram ou beberam alguma coisa?

Zafer: Que nada, de fato hoje é o primeiro dia que estou bebendo um pouco d’água (risos). Foi bom eu ter vindo para o Rio e ter tirado um tempinho de folga.

Batman: Arkham City será lançado para PC, Xbox 360 e PS3 no próximo dia 18 de outubro. (O jogo está lindo!).

Vivi Werneck
Share on Tumblr
Feed do Post
13 Comentários em "Entrevista com Zafer Coban – lead animator de Batman: Arkham City"
  1. 10/10/2011

    Como falei no FB: o cara joga bem fraquinho o game, pelo menos eu achei. Mas esse jogo do Batman é ANIMAL! E é o que to mais esperando dessas novidades aí. Joguei um poquinho e posso falar que o que o primeiro game tinha de bom o segundo evoluiu a quarta potencia. Bom mesmo!

  2. 10/10/2011

    Pra mim, o jogo mais aguardado do ano (muito fanatismo pelas HQ’s). E acho que vai concorrer como melhor do ano contra L.A. Noire ;/ (tomara que ganhe). Fiquei pirado pelo Arkham Asylum e já garanti esse pra vir com o Robin o/

  3. André
    10/10/2011

    AAAAIIIIIII que saco!!!!!!!!!!! N estive aí p jogar essa obra prima (e claro conhecer vc e sua equipe maravilhosa, Vivi), mas me conta, vc jogou Batman, melhorou em vários aspectos em relação ao primeiro???

    PS: Adorável Coringa? Pensei que vc tivesse fobia de palhaços, Vivi.

    • Vivi Werneck
      10/10/2011

      O Coringa é o único palhaço que tolero. Isso pq ele não é falso como os outros e já admite que é demoníaco desde o início! u_u

      E sim, o jogo está bem mais fluido que o primeiro e com mais opções do que fazer. ^^

  4. Full Moon
    10/10/2011

    Eu estou com duvida… a versão nacional do Batman Arkham City ja vem com o codigo incluido pra jogar com o Robin. Mas isso vai ser limitado?? só quem comprar primeiro o Batman AC terá direito?? Eu pretendo comprar em loja a versão nacional, mas será que devo realizar pré-compra em Wall Mart por exemplo, pra ter mais chances de adquirir o código do Robin??

    E tambem estou com uma duvida em relação a entrevista, nela o Zafer fala que a Mulher Gato é uma das personagens que poderemos controlar na história princial. Quer dizer que além de Batman e Mulher Gato poderemos controlar algum outro personagem na história principal ???
    Estou muito curioso… ^^ Tomara que o Asa Noturna faça uma aparição na história principal =)

    • Vivi Werneck
      10/10/2011

      O Zafer estava muuuito cauteloso na entrevista para não entregar muitos detalhes, por isso, não sei te responder em relação aos outros possíveis personagens jogáveis além da Mulher-Gato e do Robin (isso se realmente tiver mais, rs).

  5. Gustavo
    10/10/2011

    A entrevista foi fantástica. Ótimas perguntas, respostas melhores ainda!!! Mandou muito bem.
    O gameplay do jogo já é uma atração divertidíssima, imagine jogá-lo.

    Só é uma pela ele não poder divulgar nada sobre os vilões… seria legal especular uma historia baseada em um que já fosse divulgado… sendo assim, vamos viajar e imaginar quem pode ser e imaginar a história de cada um! rs
    Parabéns Vivi!

  6. 11/10/2011

    Muito boa entrevista. Curti. Meus parabéns!

    Estou ansioso por esse game! Só falta uma semana, só mais uma semaninha…

  7. georges
    11/10/2011

    Pra mim o batman é o melhor herói da DC e arrisco dizer que, Batman Arkham Asylum é o melhor jogo de super-herói dessa geração e Arkham City não deve ficar para trás.
    òtima entrevista!

  8. 11/10/2011

    Concordo com o Georges. Principalmente porque Batman sempre foi meu Super-Heroi favorito(acho que Heroi não tem mais acentuo né? ;D).

  9. Bebs
    12/10/2011

    Muito show a entrevista, mom! ^^

  10. Fabão
    13/10/2011

    ótima entrevista vivi, e pra mim essa batimá leva o goty

  11. Hélio
    23/11/2011

    Até eu q nunca li as HQs de Batman nem fiquei acompanhando os desenhos e filmes me empolguei muito! Diria q é a melhor série de jogos já feita com base numa HQ. UC3 terá trabalho…

Crie uma conta no gravatar.com para colocar sua foto nos comentários.

Sempre que comentar em algum blog com o email cadastrado, aparecerá sua imagem.