GDC 2012: Quantic Dream apresenta a sua nova tech embasbacante

Tags: GDC 2012, heavy rain, Sony

A Quantic Dream, responsável pelo jogo de gotas de chuva Heavy Rain, exibiu ontem durante a GDC 2012 uma demo exibindo a sua nova tecnologia gráfica. David Cage, o fundador da Quantic Dream, conduziu a demonstração da nova tecnologia, que foi intitulada como “Kara”. “Após Heavy Rain, queríamos inovar em termos de qualidade, a começar pelos gráficos. Queríamos melhorar muitas coisas – coisas que não eram possíveis com a engine de Heavy Rain. Então desenvolvemos uma nova engine do zero”, declarou David Cage segundo o PlayStation Blog.

Kara não é um novo jogo, apenas uma demonstração do que essa nova tecnologia da Quantic Dream é capaz de fazer, mas não deixa de ser uma história extremamente interessante com uma narrativa profunda que em 7 minutinhos nos deixou mais envolvidos que muita história completa de alguns jogos por aí. Estou sendo injusta, mas é a verdade. Eu queria ver mais da história.

Segundo o site Joystiq, Kara foi exibida em tempo real rodando em um PlayStation 3 durante a apresentação de Cage, que falou que a demonstração foi feita há um ano e foi produzida na primeira versão dessa nova tecnologia. Atualmente a tech está na sua terceira versão. Quando perguntaram se os jogos ficariam similares ao vídeo da apresentação, Cage respondeu que eles vão ficar muito melhores do que isso.

Carla Rodrigues
Share on Tumblr
Feed do Post
28 Comentários em "GDC 2012: Quantic Dream apresenta a sua nova tech embasbacante"
  1. Carla Rodrigues
    08/03/2012

    Eu também queria muito um jogo sobre essa história.
    Eu até fiquei pensando no que aconteceu com ela depois que ela foi para a caixa. Como que ela ia se livrar, escapar da loja, como ela iria reagir quando visse uma das suas clones servindo de “escrava robótica” para alguém. Viajei.

    • EltonBM
      08/03/2012

      Cuidado! A Quantic Dream quer fazer um grande filme, caramba o que estaria impedindo eles de tentarem?
      Mas jogo baseado da estória do curta? O operador fala que ela é um computador que anda, não teria muito como se defender de nada, então seria muito mais lógico jogar com o operador, já que ele sabe que ela é consciente. Ele entraria numa busca para entender como aquilo aconteceu e também acabar tentando garantir a sobrevivência dela. Por que imaginem a bagaça: Se ela, que é um Chobits europeu teve a capacidade de já acordar se sentindo viva, por que não um tanque, um androide de segurança ou um caça com uma AI semelhante não poderia fazer o mesmo? Então o melhor foco seria o do operador, porque ele carrega o fardo de saber a verdade, e pelo “OMG!” no final, deve imaginar as consequências. Seria como aquele jogo do Spielberg que quase saiu: http://www.unseen64.net/2010/12/02/lmno-xbox-360-ps3-cancelled/
      De resto, é bom ver que o PS3 realmente ainda consegue surpreender, será que vou acabar comprando um?
      PS.: Queria ver esse motor gráfico num Virtua Fighter ou Tekken ou DoA.

  2. georges
    08/03/2012

    Acabou?!!!!!!!!!!!!!!!!
    Deu pra perceber que a Engine ta linda!!!!
    Se fizerem um jogo disso ai, espero que seja na próxima geração, pra eu poder voltar pra SONY :P

  3. leandro(leon belmont) alves
    08/03/2012

    eu já tinha visto antes. é um tecnologia impressionante. com gráficos assim, a maioria vai migrar para o PS3, não sei se o XBOX 360 consegue fazer isso. mas estão falando que ainda esperam por isso. e isso é apenas 50% da capacidade dessa nova tecnologia nos games. será que isso é para o um PS4? veremos…

  4. Baldo | RufflesBR
    08/03/2012

    Espetacular.

    Muitas palmas pra Quantic Dream.

  5. Vivi Werneck
    08/03/2012

    Fantástico, simplesmente fantástico!

  6. The Punisher
    08/03/2012

    É…realmente quem vê “KARA” não vê coração…certo, essa foi péssima.

    Mas indo pro tópico, é bem impressionante a qualidade, e digamos assim “moça” é poliglota. Acho que vai levar um tempinho ainda para a IA chegar ao que vemos na ficção.

  7. 08/03/2012

    OMG… eu compraria esse jogo…
    Esse video fez eu viajar aqui sobre QUANDO computadores e seres “vivos” atingirem o mesmo nível de complexidade… e outras questões filosóficas como definição de vida…

  8. Adriana
    08/03/2012

    Fiquei tão intrigada com a estória que esqueci do que o video se tratava.

  9. 08/03/2012

    Primeiros segundos de vídeo lembrei da montagem da Major no Ghost in the Shell…
    http://www.youtube.com/watch?v=ZGJE82p39jI&feature=related

  10. Lucas
    08/03/2012

    Eu quero uma!

  11. Fernanda Martins
    08/03/2012

    Bom… eu gostei do vídeo bem emocionante e a temática é bem romântica maaaaaassssss mostrar uma engine em um ambiente lento, bonitinho e controlado é mais fácil. Quero ver a montagem de vídeos em um ambiente caótico que é mais díficil de desenvolver, sem contar os problemas de performance.
    Aliás… performance é um ponto mt importante para gráficos bonitos. Se você não tem uma máquina decente não aproveita nem um pouco da engine proposta… isso me lembra de Crysis… quando saíram aqueles gráficos bonitos todo mundo foi correndo comprar placas de vídeo.
    Espero que essa engine possa evoluir e criar gráficos fodásticos sem que seja necessária a compra de um Playstation 4 :P

  12. lipe!
    08/03/2012

    Vi num outro site outra engine que parece ser mais forte que essa,mas,mesmo assim,impressionante.
    Aliás,por que sentir pena de uma máquina??quero mais é dividir tudo ao meio.

  13. Marco
    08/03/2012

    To impressionado demais !!!

  14. Hélio
    08/03/2012

    Eu achei lindo. Mas com certeza só na próxima gen isso será possivel.
    O conceito da história é realmente muito bom, tbm espero um jogo com essa premissa.
    Quantic Dream merece todos os meus aplausos. É uma das empresas q está mexendo melhor com o emocional dos jogadores.

  15. Júlia Oliveira
    09/03/2012

    Nossaaaaa!!!! Sem palavras, na moral a Quantic Dream é uma empresa que gosta de tratar de temas de formas sempre inovadoras criando histórias que são incríveis como Fahrenheit (Indigo Prophecy) e Heavy Rain.

    Parabéns para eles!!!!!

  16. Charles
    09/03/2012

    gostei dessa engine, a movimentação e a tecnologia facial, estão bem realistas.

  17. CPR
    09/03/2012

    Videozinho interessante. Eu quase senti pena dela quando ela fala que tá assustada e não quer ser desmontada. A parte gráfica é interessante mas creio q ele não aproveita, nem de longe, todo o potencial gráfico que o ps3 tem a oferecer.

  18. Bel
    10/03/2012

    Comprei um XBox, vou acabar comprando um PS3 tbm..

    • CPR
      10/03/2012

      Vc é tão linda, pra q perde tempo com isso?

      • Bel
        11/03/2012

        Jogar pra mim é ganhar tempo, pode ser Xbox, pc, PS3. Tendo jogo bom, tá valendo.
        O importante é o circo pegar fogo mesmo e as empresas de games procurarem se superar sempre, quem ganha é o povo gamer

      • 11/03/2012

        Não entendi o comentário….

  19. Alessandro Silva
    10/03/2012

    Sem palavras!
    Simplesmente incrível!

  20. 11/03/2012

    WOW. Simplesmente…. WOW !!!!
    Essa engine em um jogo como Mass Effect iria ser DEMAIS !

  21. paulo honda
    14/03/2012

    My God…
    Nunca vi um ser robótico tão emotivo como a Kara.
    Assim deve ter pensado o operador quandos os robôs se foram.

    • Hélio
      14/03/2012

      Deixou o Milo no chinelo.

  22. Amyr L.
    15/03/2012

    A.I. Feelings!
    Eu sei que os conceitos de Asimov são batidos e tal, mas eu gostaria MUITO,mais MUITO que essa tech demo se desenvolvesse no próximo “Heavy Rain” da Quantic Dream. Adoro histórias cyberpunk ou pós-apocalípticas envolvendo esses conceitos de seres humanos criando vida inteligente, faltam mais jogos com esse tipo de enredo atualmente.

    • CPR
      16/03/2012

      Seria legal se fizessem um jogo baseado naquele mangá Gunnm. Ia cair como uma luva esse conceito.

Crie uma conta no gravatar.com para colocar sua foto nos comentários.

Sempre que comentar em algum blog com o email cadastrado, aparecerá sua imagem.