Max Payne: Valhalla é um ótimo filme feito por fãs

Tags: Max Payne 3, Max Payne fan movie, Max Payne filme, Max Payne III, Max Payne Valhalla

Às vezes me pergunto: por que as grandes produtoras de filmes não pedem umas “aulinhas” de adaptação de jogos para longas-metragens com a galera indie, ou os próprios fãs do jogo mesmo?

Se fizessem isso, coisas como o próprio “longa” oficial de Max Payne não teriam sido um poço de confusão e informações desconexas ou algo horripilante como o filme do Dragon Ball não teriam nem saído do papel.

Bom, o estúdio espanhol Zapruder Pictures, adaptou o primeiro Max Payne para o curta-metragem “Max Payne: Valhalla”. O filme, dirigido por Guillermo Fernández de Oliveira e Javier Esteban, tem várias referências ao jogo – como o bullet time e as cutscenes em quadrinhos – e até que é bem produzido. A atuação do protagonista e dos outros não é lá digna de um Oscar, mas a produção como um todo ficou bem legal e vale assistir.

- Confira:

Ah, lembrando que Max Payne 3 será lançado na próxima terça, dia 15, para PS3 e Xbox 360. A versão para PC sai dia 29 de maio.

Vivi Werneck
Share on Tumblr
Feed do Post
13 Comentários em "Max Payne: Valhalla é um ótimo filme feito por fãs"
  1. Edison O. Vitor
    12/05/2012

    qd vejo uma adaptaçao de jogo/anime no cinema sempre fiko com a impressao de q a equipe q fez o filme nem c deu ao trabalho de ver/jogar o original

    é bizarro como eles podem errar tanto, olha aquele street fighter com o van damme tem coisa mais bizarra q aquilo?

    • leandro(leon belmont)alves
      12/05/2012

      pelo menos não são todos filmes que são ruins. Silent Hill, Mortal Kombat 1 e o Hitman…acho que foram originais ao jogos, acho eu

      • Edison O. Vitor
        12/05/2012

        sim mas sao raridade

  2. leandro(leon belmont)alves
    12/05/2012

    realmente é um grande mini filme. tava mais acostumado com o Mark Walbherd, mas ficou muito bom o ator.

  3. Lucas
    12/05/2012

    Muito bom!
    Dragon Ball realmente foi um tiro no saco!

    • leandro(leon belmont)alves
      12/05/2012

      Dragon Ball é até assistível Lucas, mas o King of Fighters….amigo…quase resisti a me enforcar vendo aquilo.

      Rugal como um fedelho feioso,Kyo americano e a May sem a comissão de frente…FFFFFUUUUUUUUUUUUUUUU!!!!!!

      • Lucas
        14/05/2012

        Esse eu não vi ainda,tenho medo!
        Sem comissão de frente não dá!HEHE

  4. Leonardo
    12/05/2012

    “Às vezes me pergunto: por que as grandes produtoras de filmes não pedem umas “aulinhas” de adaptação de jogos para longas-metragens com a galera indie, ou os próprios fãs do jogo mesmo?” Porque não têm humildade para isso, mas sobretudo porque…it’s f*cking Hollywood, onde tudo é dirigido a uma cambada de aborrescentes obesos, cheerleaders e jocks que nem sabem onde fica o Iraque e só querem “mindless fun”.

    Eu não sei como é que tive paciência para ver o filme do Dragon Ball!! Aquilo parece o Karaté Kid mas com cenas maradas. Que despercício de película e tempo.

    Quanto a esta curta, não posso falar muito quanto à fidelidade face ao jogo, mas realmnete a interpretação não é do melhor.

    • leandro(leon belmont) alves
      12/05/2012

      acho que eles/os diretores fazem os filmes não só para os gamers Leonardo, mas também para quem não joga vídeo games. aí acabam estragando tudo. pessoas não gamers vão assistir Jogos Mortais, não Silent Hill(e olha que é um bom filme) e os jogadores que assistem um Resident Evil o acham ruim, porque é uma adaptação, não algo 100% aos games.

      Milla Jocovich é linda e tal…mas até hoje a Alice dela não me desceu…e pensar que no RE 1, o nome dela era Jill…

      e sobre o Dragon Ball, até o Akira Toriyama em pessoa estranhou fazerem um filme americano de Dragon Ball, mas esperto e ganancioso que só ele, preferiu ficar calado e receber milhões pelo uso de sua obra.

      A história é tão simples, Goku é um moleque chorão do colegial que paga um pau violento para a Chi Chi, sua colega de escola.(hein???)

      Ele decide aprender artes marciais para conquistar a menina e acaba enrolado com o mistério das Esferas do Dragão e o Piccolo quer usar para dominar o mundo.

      para começo de conversa, começaram errado. Goku nem sabia o que diabos era atração por uma garota, quanto mais sentir paixão pela moça.(o que me faz pensar, como foi a lua de mel dos dois no mangá ou no desenho, já que Goku é mais ingênuo quanto um pato nesse assunto) A Chi Chi não era temperamental, tinha o Yancha que era louro(?) e a Bulma com uma unica mecha verde no cabelo…

      só de ter visto a Bulma sem os cabelos esmeralda, já me fez perder a fé que seria um filme no minimo, mediano… -__-

      é como eu falei antes, chamem uns Otakus e Cosplayers e esses fariam um filme bem realista e nem cobrariam cachê de Hollywood para isso.

      • Leonardo
        12/05/2012

        Agora você disse tudo: também é para pessoas não-gamers. Aí é que está o problema. Hoje em dia, só se pega em jogos que já têm uma base de fãs bem constituída, logo deviam começar a pensar em fazer com estes em mente e não como “se é fã vai pelo menos querer ver, ainda que trolando com eles, e já temos o dinheiro de bilheteira garantido”. Esperto foi o Kojima em não ter aceite que fizessem um filme do MGS sem o seu envolvimento directo. E do filme do Castlevania nem se tem sabido de nada, já parece o MGRising até ter este novo rumo. Já faz muito tempo que não vou ao cinema porque espero que os filmes passem na TV, sobretudo estes que só servem mesmo para passar o tempo.
        O Yancha não era aquele que andava com uma criatura azul super adorável e simpática? Esse era moreno. Coitado, ver a Bulma casar-se e ter um filho com o Vegeta deve ter sido bem difícil de engolir!
        Realmente o Goku era único, sobretudo quando ele, em criança, mijava em tudo quanto era lado e sempre nuzinho. Acho que a lua de mel deve ter sido uma questão de erro-tentativa. =D

        • Hélio
          12/05/2012

          Tbm, Kojima não podia ter aceitado mesmo. Pois quem se ofereceu pra fazer o filme de MGS foi o infame Owe Boll.
          De qualquer forma, certa vez vi uma foto do Christian Bale com a barba da cor e do formato de Big Boss em MGS3 e achei q ficou parecidíssimo.

  5. paulo honda
    12/05/2012

    Ficou um ótimo filme por ser feito por fãs e tendo em conta o seu baixo orçamento ,e espero que talvez saia uma sequencia do mesmo.
    Realmente é um absurdo produtores que querem produzir um longa metragem baseado em um jogo,sem ao menos respeitar o roteiro original e tentando agradar a “gregos e troianos”.Isto dificilmente dará resultados satisfatório porque os produtores vão acrescentar coisas que não são do roteiro do jogo e eliminar partes que são do roteriro original.

Crie uma conta no gravatar.com para colocar sua foto nos comentários.

Sempre que comentar em algum blog com o email cadastrado, aparecerá sua imagem.