Nintendo Direct Pre-E3: Wii U

Tags: E3, nintendo, nintendo network, Satoru Iwata, wii-u

Nintendo fez uma apresentação pré-E3 na tarde de ontem, comandada pelo presidente global, Satoru Iwata, para mostrar a versão final do controle do Wii U. O lema que vem guiando a empresa desde o começo é “creating something unique” (criar algo único), e Iwata aposta que durante a conferência na E3, que ocorre na próxima terça e será mais focada nos jogos para o novo console, havéra vários momentos em que pensaremos “isso certamente é algo único”.

>>> Unir as pessoas, não dividi-las

O conceito do Wii U é conectar mais as pessoas enquanto compartilham o uso do aparelho. Iwata cita um estudo da pesquisadora americana Sherry Turkle, que resultou no livro “Alone Together: Why We Expect More from Technology and Less from Each Other“. Ela analisa a realidade em que vivemos, na qual as interações virtuais são muitas vezes superficiais. Embora a internet e os aparelhos modernos tornem a vida mais fácil, eficiente e, em teoria, aproximem as pessoas, estaríamos mergulhando cada vez mais em solitários universos particulares. Na apresentação isso é ilustrado pela imagem de uma família reunida, mas cada um envolvido com seu aparelho sem interagirem entre si (“alone together”, sozinhos juntos). Nintendo quer proporcionar o contrário.

>>> Wii U GamePad

A versão final do controle sofreu algumas mudanças em relação ao protótipo mostrado na E3 do ano passado. Os antigos “circle pads” se transformaram em alavancas analógicas mais precisas e a parte traseira foi redesenhada para tornar mais confortável a pegada. Ele poderá ser usado para controlar tanto o Wii U quanto as funções básicas da TV (em televisores compatíveis, imagino). Há também sensor de movimentos e giroscópio.

Os jogos de Wii U utilizarão as duas telas, do GamePad e da TV, mas nem sempre os jogadores dependerão dessa conexão. Em muitos casos, quando a televisão estiver ocupada, será possível transferir o gameplay apenas para a tela do controle e jogar nele.

Fora dos jogos, a tela do aparelho, que é sensível ao toque, terá várias funções, servindo até como tablet para desenho digital. Os controles antigos do Wii poderão ser usados no Wii U, que também possuirá um joystick tradicional chamado Wii U Pro Controller.

>>> Comunidade Online

Junto do Wii U a empresa lançará uma nova rede online, a Nintendo Network, para dar suporte à integração da comunidade. Dentre os serviços disponíveis, haverá fóruns que os jogadores poderão acessar até quando estiverem jogando (basta pausar) para tirar dúvidas, fazer comentários e trocar mensagens sobre os games. Quem estiver longe de seu console, mas quiser saber o que está rolando nos fóruns, poderá visualizá-los via internet (browsers, smartphones). Será possível também fazer ligação “direta”, ou seja, falar com outras pessoas pela tela do GamePad utilizando sua câmera.

>>> Miiverse: o universo do Wii U

O menu do Wii U é uma “praça” com vários Miis reunidos. Eles são os avatares de quem tem perfis no aparelho (o jogador e sua família, por exemplo), de quem está na lista de amigos e de pessoas do mesmo país (ou mesma língua) que estejam jogando os games representados nos quadradinhos que ficam “flutuando”. Os balões de fala representam a comunicação que acontece em tempo real.

No Miiverse será possível conversar via chat de texto, no teclado virtual, ou escrevendo mensagens diretamente na tela. As expressões faciais dos Miis poderão ser trocadas para representar emoções. Haverá a opção de compartilhar screenshots de gameplay e outros tipos de conteúdo (inclusive os criados pelo próprio jogador).

Por essas características de integração da comunidade, a tela do Wii U está sendo tratada como uma “social window” (janela social). O objetivo é que, no futuro, o ambiente virtual do Miiverse seja disponibilizado não apenas no console, mas também em computadores e smartphones.

Iwata conclui que o Wii U visa mudar as relações entre:

Família e Console / Console e TV / TV e Internet

 

A conferência da Nintendo é amanhã (dia 5), às 13h. Fiquem ligados na cobertura do Girls of War!

Bebs
Share on Tumblr
Feed do Post
28 Comentários em "Nintendo Direct Pre-E3: Wii U"
  1. Soldado Rock
    04/06/2012

    Este Wii U é para ter resumindo, processadores no nível de PS4 e Xbox 720?
    Parece que vai manter o mesmo conceito do Wii, não que seja algo ruim, tenho um Xbox 360, mas várias vezes me deu vontade de adquirir o Wii.

    Me lembro ver imagens de jogos como, Paper Mario, New Super Mario Bros, Mario Kart, os REs… Afinal, joguei muito SNES.

  2. Alex França
    04/06/2012

    O inglês do Satoru Iwata é sofrível :D mas divertido!
    A Nintendo sempre correu por uma outra estrada, não seguindo a mesma linha das suas concorrentes, algumas vezes erra… (GameCube) outras acerta brilhantemente (NintendoDS), espero que acerte novamente, sangue novo na guerra dos consoles, obrigando os designers a inovar :D

  3. leandro(leon belmont)alves
    04/06/2012

    o Nerd do vídeo é parente do PC Siqueira? parece muito :) a parte que ele comemora com o bonequinho é engraçada.

    gostei muito do novo controle, ele falou de todas as utilidades do novo console, para as pessoas não jogarem sozinhas e tal…

    mas cadê os games?

    tá cero que tá meio cedo para isso, mas mesmo assim. bom, teve um game do Mario, que dizem ser um Remake do Super Mario World do SNES, o que seria do tubalacobaco.

    agora sem querer ser chato, mas sendo assim. mesmo tendo vários recursos de acessar redes sociais, ver notícias e muito mais. não sei se a maioria gamer vai querer fazer isso. gamers querem jogar seu console, para acessar um Facebook, Orkut ou Twitter, vão para um PC. mas deve ser bacana e há quem queira usar essas utilidades.

    só posso desejar sorte para Wii U e que seja mais famoso entre a nação game do que seu antecessor

    • Alex França
      04/06/2012

      “”leandro(leon belmont)alves 04/06/2012
      mas cadê os games?””

      Ele disse no vídeo que a apresentação dos games será na E3 e na Pré Conferencia de amanhã.

  4. Leonardo
    04/06/2012

    Apenas fiquei discontente ao ver o Wii U Pro Controller, quer pela semelhança ao comando da Xbox quer pela côr negra que aumenta a sensação de estranheza face ao branco da WiiU.

    Quanto ao WiiU GamePad, gostei da nova aparência, em especial pela inclusão daquelas saliências na parte exterior, que ajudam a uma melhor fixação do controlo nas mãos (e cuja falta me causa um certo desconforto na minha DS Lite!). Ainda estou para saber se continuará apenas a ser possível um GamePad por cada WiiU, sendo que, em casos de vários jogadores, os outros terão que u~sar os comandos da Wii.

    Pelos vistos, já sabemos que os circle pads estão para ficar em futuras versões da 3DS para manter o tal “low profile”, o que não sei se é bom pois costumo ler bastantes críticas aos circle pads face aos analógicos.

    A Nintendo está sempre a inovar e é uma alegria para qualquer jogador ver as novas formas de jogabilidade que a ela cria.

  5. Leonardo
    04/06/2012

    PS: odiei o vídeo! É norte-americano e basta. É preferível ver japoneses. Aquela referência do velhote, de ser o melhor amigo do jogador levantou-me suspeitas…! O.o

  6. Hélio
    04/06/2012

    Eu não sei o q pensar do WiiU. Pode ser um sucesso do nível do Wii – em vendas – ou ser um grande fracasso.
    Quero dizer, a Nintendo é uma empresa q sabe desenvolver bem os seus jogos exclusivos first party sem perder qualidade: Mario, Zelda, Metroid, Star Fox, etc., são bons até hoje.
    Mas ao mesmo tempo, o estilo da empresa é criar games “bonitinhos e fofinhos” na maioria das vezes, isso aliado ao potencial fraco dos gráficos do Wii acabou afastando grande parte dos melhores multis desta geração.
    Então, para o WiiU ser um sucesso não só em vendas, mas em qualidade geral da sua gameteca, eu espero um aparelho com grandes exclusivos, IPs novas e pelo menos a maior parte dos multis da geração.
    Eu mesmo não comprei nem pretendo adquirir o Wii pq por mais legal q seja um Mario da vida, eu não vejo sentido em comprar o aparelho qdo ele não vai me oferecer quase nenhum game de conteúdo mais adulto, como um MGS, um HL2, um Batman Arkham City, etc.
    E qdo falo de “jogos adultos” não é por causa do gráfico, nem por causa do sangue, nada disso. É pela temática mesmo, o clima das locações onde se passa o jogo, etc.
    Eu jogo e me divirto até hoje com jogos da Nintendo, mas meu ponto é somente eles não bastam. Console precisa ter mais variedade, e é isso q eu espero do WiiU, pois torço por uma Nintendo mais voltada à qualidade de títulos q tínhamos no SNES do q uma empresa mais focada em vendas e fanservice.

    • Soldado Rock
      04/06/2012

      Concordo, além destes que você citou, podemos citar ainda: GTA 4, RE 5, os MW 1,2,3, Black Ops, Forza ou GT, SF 4, MK 9, Dead Space, Gears, God of War, sem contar os que virão como GTA 5, RE 6, Black Ops 2, enfim, excelentes jogos e quem tem um Wii apenas os viu de longe.
      Claro que, quem tem um Wii talvez não tenha interesse nos jogos que eu citei, mas só quem curte apenas Mário e alguns exclusivos da Nintendo para ficar apenas com o Wii.

      • Hélio
        04/06/2012

        Sim, é exatamente o q eu penso tbm. O PS3 e Xbox tem seus exclusivos de peso + os multis, já o Wii vive basicamente de seus exclusivos, tornando o console bastante incompleto pra quem deseja conhecer as maravilhas criadas nesta geração.

    • leandro(leon belmont)alves
      04/06/2012

      concordo Hélio, desde o N64. por algum motivo a Nintendo se dedicou a jogos infantis(não todos é claro) e é muito difícil Mario competir com um Final Fantasy ou Gran Turismo. é como se os produtores de games achassem que os antigos fãs do SNES(eu, falo de mim. não sei vocês) não cresceram. o SNES seus jogos com conteúdos adultos por lá,por exemplo, fiquei fã da série Shin Megami Tensei (Persona para os fracos) onde é possível matar um legião de anjos e de quebra chutar a bunda do Criador e abrir um sorrisão com isso :) e com uns temas bem pesados que muita gente não quer lidar nem com uma vara de 100 metros

      SMT RULES!! na época a Nintendo tinha culhões….bons tempos

      mas ainda tenho fé na Nintendo, no 3DS tem RE Revelations, SSF4 Arcade Edition e outros. espero que eles voltem aos tempos da glória do SNES, onde não tinham frescuras de lançar jogos assim…

      sonhar é de graça

      • Hélio
        04/06/2012

        Por mim, desde q a Nintendo abandone essa bobagem de fazer dezenas de “Wii Sports” e “Wii Music” e se foque em criar grandes games e abrir as portas para as thirds como antes, eu já fico satisfeito. O próprio Game Cube teve alguns games como Eternal Darkness e Resident Evil 0 q forma originais do console e trouxeram algo mais adulto.
        Tudo bem, Mario é divertido e sempre será, mas só ele, os outros exclusivos e uma chuva de casuais bobos não me convencem a comprar o Wii.
        Espero uma postura muito diferenciada da empresa agora.

    • The Punisher
      04/06/2012

      Da 1ª vez que comentei algo do tipo aqui no GoW sobre a Nintendo seus consoles e jogos alguns caíram matando a pau em cima de mim, e foi exatamente pelos seus jogos e consoles recentes que cheguei a falar que a Nintendo deveria fazer como a Sega, parar de fabricar consoles e ficar só com o desenvolvimento de jogos, e volto repeti o que disse daquela vez console Nintendo pra mim só foi até o 64 depois “cabou” não me chamaram mais a atenção.

      • Hélio
        04/06/2012

        É um grande problema mesmo, Punisher, eu mesmo já desisti de conversar sobre a Nintendo na maioria dos sites q visito, pois os fãs da mesma muitas vezes são incapazes de receber críticas e aprender com elas. Poxa, eu por exemplo sou fã da Sony mas reconheço q o PS3 teve aquele problema horrível da queda da PSN, q foi muita irresponsabilidade da empresa, eu reconheço a arrogância do início da gen com o console custando 599 dólares, os vídeos mentirosos sobre Motorstorm e Killzone, etc. Reconheço tbm q a Sony demorou a se mexer e só foi melhorar mais em 2008~2009.
        Porém, mesmo achando PS1 e PS2 infinitamente superiores ao PS3, continuo gostando da empresa pois seus exclusivos e multis me convenceram q o PS3 é um grande console.
        No caso da Nintendo, a coisa fica séria pq ela vendeu muitos Wiis graças à legião de antigos não-gamers q passaram a jogar os games casuais dela.
        Tudo bem, trazer mais gente pros games é ótimo, mas abrir espaço pra experiências de qualidade como Assassin’s Creed, Mafia 2, Bayonetta, etc., é algo indispensável para o jogador. A Nintendo pode lucrar o qto ela quiser fazendo Wii Sports, mas para o jogador, o q interessa é qualidade e variedade de jogos, não vendas da empresa.

        • The Punisher
          04/06/2012

          Apesar de Mario, Zelda e outros serem os grandes sucessos da Nintendo, não me vejo mais jogando esse tipo de coisa.

        • leandro(leon belmont)alves
          04/06/2012

          eu só espero que a Nintendo faça mais jogos normais, nos tempos aúreos. pois se continuar nesses Wii Sports e outros games de movimento…..pois como o Grande Nerd me disse:

          “O Wii… é uma piada menor que o N64 e Gamecube, mas é uma piada mesmo assim. Não deixa de ser uma piada engraçada, pois está sendo vendido como eletro-doméstico. Gamers de verdade não o querem, só donas de casa, casais recém casados e outros tipos de jogadores casuais, que nem preciso dizer, abandonam o aparelho após alguns dias de brincadeira.

          Esta Nintendo… sempre me faz rir!”

          não são todos que pensam assim como ele, mas a Grande Maioria….

          • Leonardo
            04/06/2012

            Como disse, eu gostei da apresentação mas, além da questão de quantos GamePads haverá por consola, outra coisa que me preocupou foi o nome da consola e a explicação do Iwata quando se interrogava se a WiiU é a mesma coisa ou diferente da WiiU. Os japoneses, no geral, tendem a explicar muito bem um conceito e tudo o que ele significa pois dão-lhe bastante importância. Pois então, a WiiU mantém o nome Wii para apelar aos possuidores da Wii mas também porque, como disse o Satoru, em parte é a continuação do mesmo e isso, juntamente com a curta apresentação do Pro Controler, leva-me a considerar que a WiiU poderá sofrer dos mesmos problemas com os jogos “third party” sobretudo depois de reveladas as especificações. Eu não atribuo importância aos gráficos mas, se os jogadores (sobretudo os loucos pelos gráficos) virem que a consola não inova no aspecto do poderio tecnológico, eles não a vão comprar, se eles não a compram as produtoras perdem interesse pois não estão para perder tempo a fazer uma versão WiiU que não vai vender como as outras e, no final, a Nintendo voltará a ficar com o mesmo nicho da Wii. Já para não falar que, se a Nintendo não se conseguir aguentar nos momentos posteriores ao lançamento então, quase de certeza, será amassada pela futura PS4 e Xbox8 e aí é que ela fica só com os jogadores casuaise e “bye-bye third parties”. Amanhã veremos.

  7. Moisés
    04/06/2012

    Tem certas coisas que a gente lê e fica pensando até onde no vasto vale do absurdo, alguma pessoas conseguem chegar em seus comentários e opiniões.

    • Hélio
      04/06/2012

      Era exatamente sobre isso q eu estava comentando: a capacidade de receber críticas.
      Seria melhor argumentar conosco, Profeta, ficar numa atitude defensiva não ajuda.
      Nenhum de nós é contra a Nintendo, pelo contrário, eu pelo menos adoro a empresa e tenho o DS aqui.
      Mas tem certas posturas q espero q ela mude agora com o WiiU.

      • Moisés
        04/06/2012

        Entendo cara, mas é que em tudo quanto é fórum/site/blog que eu entro ( que não seja específico sobre a Nintendo ) é gamer sentando o pau no WiiU e 3DS ( mesmo com o sucesso que está sendo o portátil ) tipo, será que a galera não pode esperar um pouco pra ver como vai ser? ou melhor, se algo da Sony ou MS nem rumo direito tem e geral ficam endeusando e tal, ta faltando um pouco de critério nas coisas citadas em várias opiniões, desculpa, é mais um desabafo do que algo pessoal, mas serio mesmo, não sou Nintendista ( se for pra ser algo, sou Seguista, e pobre nem pode ser fan-boy mesmo xD )mas vejo que muita gente esta julgando o console antes de ver como realmente é.
        E vamos lembrar, oque realmente importa para as empresas são as vendas, e se o WiiU vender o mesmo que o Wii vendeu, triste o Iwata não vai ficar, mesmo os “hardcoregamerquerosanguenosóio” reclamando.
        Ufa, acho que é isso !

        • The Punisher
          04/06/2012

          Não acho que a Nintendo pretenda mudar tanto assim e abrir espaço para games multiplataformas… é esperar pra ver, mas ainda sim não creio muito nisso. Acho que ninguém aqui falou ou se quer citou sangue, tripas e vísceras nos jogos meu caro. E sim de ter mais variedades de jogos e não ficar só na mesmice de Mario, Zelda e afins, isso se torna massante, pois são jogos voltados para no máximo adolescentes e talvez nem isso, sim tem até adultos que ainda gostem, sei lá, vai de cada um, eu já cheguei a gostar de tais jogos, mas isso quando era mais novo e como hoje tenho 32 repito, não me vejo mais jogando tais coisas.

    • leandro(leon belmont) alves
      04/06/2012

      eu mesmo Profeta, jogo games da Nintendo até os meus 20 anos(e jogo até hoje nos emuladores). não para dizer que estou malhando a empresa. só apenas desejo que diminua os jogos de movimento e façam games mais “normais” de joystick mesmo. o meu irmão que só joga MMO, ele até gostou das opções multimídia.

  8. Moisés
    04/06/2012

    Estranho, então se o problema não são as temáticas sangue, tripas e afins, há muitos jogos no próprio Wii com assuntos bacanas, a maior variedade de J-Rpg dessa geração é do Wii, claro que os jogos que mais venderam no console foram os ditos “casuais” ( porem quero ver alguém conseguir 5 estrelas em Rasputin do Just Dance 2 ), mas no wii teve sim muitos jogos com temáticas mais “maduras”, o problema é que muitos gamer’s estão com a mente bem fechada.

    E vai me desculpar, mas a Nintendo só começou a diminuir os games Multi-plataforma la na era N64, porque antes tu sabe que não era assim, e mesmo diminuido, temos exemplos de que as versão da Nintendo ficaram bem melhores ( vide RE4 de game cube em comparação ao ps2 ).

    • The Punisher
      04/06/2012

      O problema meu caro, é que nenhum console vive só de seus exclusivos ou casuais, porque se fosse assim a Microsoft e Sony fariam o mesmo, acho que mente fechada está com a própria Nintendo que até o momento não deu mais espaço para as demais produtoras, com algumas raras exceções. Se for pra viver só de exclusivos ou casuais, para de fabricar console e faça como a Sega viva só dos seus jogos produzidos e/ou distribuídos/publicados.

    • The Punisher
      04/06/2012

      E se for por um jogo ou outro que ficou com versão superior ao do concorrente ou, por exemplo, do PS2 como você mesmo disse, o RE Code Veronica mesmo do Dreamcast é bem superior ao do PS2, e inda sim, infelizmente o Dreamcast deu no que deu.

  9. douglas
    04/06/2012

    Pelo controle mostrado na imagem ae já começaram errado , igual o controle do xbox , esse tipo de controle é horrivel para jogos de luta , pq fazem um posicionamento ridiculo dos direcionais .

  10. Leandro (Shady)
    04/06/2012

    Nintendo é só alegria

  11. Moisés
    04/06/2012

    começou a conferência da MS \o\ pelo site da IGN consigo acessar aqui do trabalho

    • Leandro (Shady)
      04/06/2012

      Para minha tristeza eu não consigo ¬¬’

Crie uma conta no gravatar.com para colocar sua foto nos comentários.

Sempre que comentar em algum blog com o email cadastrado, aparecerá sua imagem.