Novo Xbox revelado!

Tags: call of duty: ghosts, conferência Microsoft, fifa 14, Microsoft, Xbox

1

GENTE!

Muitos acompanharam hoje, via streaming, a conferência de lançamento do novo Xbox, realizada em Redmond só para convidados. Em uma hora de apresentação, vários anúncios foram feitos, alguns mais esperados que outros. Entre eles, finalmente o que todos queriam ver: a cara da nova geração de consoles da Microsoft.

Às 14 horas em ponto, o cronômetro zerou dando lugar a um desses trailers cheios de pessoas alegres como se tudo na vida dependesse de uma simples central de entretenimento. Central essa que já tem nome: Xbox One. (Foi só comigo, ou vários pensamentos nostálgicos de uma história de amor vivida ao lado do PSOne também tocaram vocês?)

Não teve muito mistério. Don Mattrick, presidente de entretenimento e negócios falou bem rapidinho sobre como o Xbox foi importante para a indústria e TCHARAN! Revelou o console escondido.

2

Pela foto, vocês talvez não consigam ver, mas ele é um pouco maior que o 360 e bastante retangular. Tem suas firulas e a cor padrão, preta brilhante, que eles chamam de ‘preto líquido’. No topo, é subdividido em dois retangulos meio TV widescreen. E um dos lados é todo ventilado para que a maior parte de ar passe pelo sistema. Nem preciso dizer que a massa já está criticando e dizendo que é horrível, que parece um vídeo cassete firulado e tal. Nada de novo.

Temos uma missão: produzir hardware, software e serviços que ponham você no centro. (Don Mattrick)

Pronto. Bastou a palavra “centro” ser mencionada para que todo o conceito principal do Xbox One começasse a ser desenhado nos painéis atrás do frontman.  O console, o controle e o Kinect tomaram as telas e, de certa forma, deram a dica: hoje não seria o dia dos games, mas outras novidades estariam por vir.

3E foi com Yusuf Mehdi que todo o blablabá ficou um pouco mais prático. Vimos a prévia da nova interface do Xbox One que é a tal “central de entretenimento” que não tem nada de muito diferente do Xbox 360 e do próprio Windows 8.  A parte prática ficou por conta das demonstrações de Yusuf que com comando de voz, fez o console executar uma série de tarefas, desde ligar até sintonizar a televisão. O console respondeu bem e rapidamente.

O Kinect mostrou que irá desempenhar um papel importante na navegação por meio de gestos, o que não é novidade. A diferença básica é que agora ele é Kinect 2, mais sensível que seu antecessor e preparado para tarefas mais elaboradas  e para o próprio comando por voz. Outras opções de navegação ficam com o seu smartphone. Yusuf utiliza seu Lumia para fazer o teste.

O Skype claro, não poderia ficar de fora. Yusuf atende uma chamada no palco sem a menor dificuldade e sem necessidade de finalizar a tarefa anterior. Até aí nada diferente do que todo mundo esperava.

Ele gasta mais um tempo falando sobre o Xbox One Guide, que eu duvido MUITO que será atrativo aqui em território tupiniquim, pois se trata de um guia de TV online feito especialmente para os americanos e seus serviços de TV que realmente funcionam.

Marc Whitten, o gerente-geral, sobre ao palco para falar um pouco mais da “alma” do sistema. De cara, o Kinect é citado e um vídeo mostra suas novas capacidades. O novo sistema entende gestos sutis e é bem mais preciso que o antecessor.

E os tambores ruflam para a novíssima Xbox Live…. que continua a mesmíssima coisa sem tirar nem por. Com um detalhe interessante:  As conquistas agora dizem também sobre como você joga, não só o que você fez no jogo, um tipo de experiência personalizada.

Com mais ou menos 30 minutos de conferência, todos já estão no limite para ouvir mais uma vez a palavra “central de entretenimento” “revolução” e “futuro da industria”. Todos imploram por games.

6

Conforme alguns sites noticiaram ontem, a EA deu as caras para falar do que planeja para esse novo “universo de possibilidades” do Xbox One. Andrew Wilson fala sobre uma parceria de conteúdo exclusivo e a galera vai a loucura com o anúncio dos quatro grandes (e previsíveis) títulos:  Fifa, Madden, NBA Live e UFC.  Nenhum deles é exclusivo. Naaaaaada de novo. Forçaram até a barra em um vídeo demonstrativo com Messi falando de Fifa, aiai.

Mas o povo quer exclusivos!

Então, Phil Spencer, vice-presidente da Microsoft Studios, introduz o vídeo de Forza 5 rodando no Xbox One. O jogo estará disponível já na data de lançamento do Xbox One – que permanece um mistério. Um trailer de Quantum Break também é mostrado, mas em ambos os vídeos não da pra se ter muita noção de como será a experiência.

Spencer se despede com a frase mais deliciosa da noite:

– A Microsoft pretende lançar 15 jogos exclusivos no primeiro ano do Xbox One, cinco dos quais serão de novas franquias. 

Só temos que esperar pra ver se os “exclusivos” não são aqueles que chegam primeiro no Xbox, mas acabam lançando para Playstation um mês depois (ou um ano, se for da Bethesda.)

10E como se alguém ainda quisesse ouvir sobre interatividade, Nancy Tellem, presidente da divisão de entretenimento e mídia digital da Microsoft, vem para mais informações. Mas a senhorinha surpreende ao introduzir um vídeo onde o astro é simplesmente o lendário Steven Spielberg que anuncia uma série de TV baseada em Halo, exclusivão de Xbox.

Eis que Eric Hirshberg, da Activision, sobe no palco para apresentar Call of Duty: Ghosts, próximo game da franquia. Que não é exclusivo, claro, mas cujo conteúdo online chegará primeiro aos donos do Xbox One.

Uma série de vídeos situam todos no novo universo de Call of Duty e tudo o que o jogo traz de novo, principalmente as possibilidades de personalizar seu guerrilheiro além de melhores gráficos, frutos da nova engine. E é isso, tudo acaba com o trailer de Call of Duty: Ghosts.

 

Agora, nos resta aguardar novidades na E3. A apresentação da Microsoft acontecerá no dia 10 de junho.

Aline Carvalhal
Share on Tumblr
Feed do Post
20 Comentários em "Novo Xbox revelado!"
  1. Murilo
    22/05/2013

    eu achava q a “apresentação” do PS4 tinha sido vergonhosa, que era impossível a Microsoft fazer pior, e eu me enganei xD

    é um controle remoto gigante q vc usa com comando d voz e tem tudo sobre esportes

    e aí vem o cara da Activision falando das “inovações” do Call of Duty, um cachorro :P

    mas esse video resume bem a apresentação toda: http://youtu.be/KbWgUO-Rqcw

  2. Sovereign
    22/05/2013

    Acredito que o console nem será lançado aqui, já que não rodara jogo usado os japas nem terão trabalho de comprar o console. Apesar de raramente comprar jogo usado, não irei continuar com next gen do Xbox, meu x360 será ultimo console da ms, só irei de PS4 e pc na próxima geração, o design parece meu antigo videocassete. Fora que todo jogo terá instalação obrigatória no HD, 500 gb e’ pouco, tem quem vir com mínimo 1tb. Meu ps3 tem 320gb de HD e já ta quase lotado, isso porque só instalo jogo obrigatório. Se o Xbox 1 aceitar HD externo num futuro pensarei em comprar, caso tenha exclusivos que chamem atenção, se continuar só com halo, gears e forza dispenso.

  3. leandro(leon belmont) alves
    22/05/2013

    Muito triste.. Ja se vai meu console 360, e entra um novo, q de novo só tem “central multimídia” e com gráficos q nada surpreendem. Os jogos, mesmo em Blu-ray, ficam atrelados à uma conta do Xbox Live, ou seja pagar conta, e teremos q ficar o tempo todo online. imagino o jogo online na velocidade da internet no Brasil.. Entre outras funções, vai ser ótimo . De uma coisa eu tenho certeza.. Consoles nunca mais, o jeito é continuar na Steam

  4. Hélio
    22/05/2013

    Boa potência, só achei o controle muito parecido.

    • Lecard
      22/05/2013

      Hélio, e isso é ruim?
      O controle do 360 não é tido como o melhor? (Pelo menos pelos comentários, já que nunca fiquei muito tempo com um na mão…)

      • leandro(leon belmont) alves
        22/05/2013

        o controle do 360 é bom na maioria dos jogos, mas os de luta…..

      • Hélio
        24/05/2013

        Realmente é, só estava falando a título de comentário, não como uma crítica negativa.

  5. 22/05/2013

    Na verdade são 8 e não 5 novas franquias O.o

  6. The Punisher
    22/05/2013

    “Preto líquido”?
    Achei que fosse o tradicional “Black Piano”.
    Não gosto das carcaças feitas nesses materiais lisos onde se fica a digital ou pior, se risca facilmente.
    Boa parte dos notebooks hoje em dia as carcaças são feitas de materiais que não deixam marcas.
    No PS3 SLIM resolveram isso, mas ainda ficou em volta dele, nas laterais, na frente e atrás.

  7. Flavio
    22/05/2013

    Pra mostrar só o que foi exibido ontem podiam ter esperado a E3. A conferencia foi bem esquisita, mas vamos aguardar!!

  8. douglas jorge
    22/05/2013

    O controle dualshock vc pode jogar todo tipo de jogo , já do xbox 360 é impossivel jogos de luta . como o Leandro citou acima .Realmnete o X-one está parecendo um video K7 uahahuahu .

  9. Lipe!
    22/05/2013
  10. The Punisher
    22/05/2013

    Pra mim nem importa muito nem o visual/design/visual do gabinete ou carcaça e nem o nome propriamente tido, mas sim, o que está dentro, sua arquitetura ou hardware que vai demonstrar seu potencial e desempenho e, também os games que hão de sair.

  11. The Punisher
    22/05/2013

    “propriamente dito”

  12. The Punisher
    22/05/2013

    Pra mim nem importa muito nem o visual/design/aparência do gabinete ou carcaça e nem o nome propriamente dito, mas sim, o que está dentro, sua arquitetura ou hardware que vai demonstrar seu potencial e desempenho e, também os games que hão de sair.

    Pode excluir os anteriores fazendo o favor.

  13. Fernanda Martins
    23/05/2013

    Faz um tempo que não posto aqui. Geralmente só olho os RSS mas hoje vim em busca sobre notícias do novo X e achei! Ótimo trabalho! Acho que é o primeiro post da Aline que eu comento btw…
    Enfim… chega de blablabla… nos novos consoles estou procurando inovação e vários jogos (óbvio). Assumo que a Sony tenha aprendido com os erros do PS3. Tenho a impressão de que se o X não inovar pra caramba a Sony não irá dormir no ponto e irá virar o jogo…

    • andre
      01/06/2013

      não sei se isso pode ser chamado de erro da sony com ps3 , um erro que vendeu 77 milhões de consoles , o erro mesmo é dificultar a pirataria , esse é o erro

  14. Cleber
    23/05/2013

    A conclusão que consegui tirar da apresentação do Xbox One foi que Japoneses fazem vídeo games, americanos fazem uma central de entretenimento.

  15. The Punisher
    23/05/2013

    Aline, me mande um e-mail que tenho algo referente a esse post que talvez lhe possa interessar para adicionar e atualizar o post. :)

  16. Guto Collares
    31/05/2013

    Ah, o temido XbOne.
    Well, ele me faz lembrar uma conversa com o meu irmão mais velho (há uns três anos, quando o aparelho em questão ainda era novidade).
    – Ei, Gustavo, esse celular é demais: ele acessa internet, passa e-mails, roda jogos impressionantes, tem GPS interno, serviço messenger, câmera de 3.3Mp, memória interna de 4 GB…
    – Ok. Empresta ele aqui pra eu fazer uma ligação.
    – Ah.. Er… Ele não está com sinal aqui. Não está fazendo nem recebendo ligações, a recepção de sinal dele é péssima.
    – Deixa eu ver se eu entendi. Ele é um celular… Que tem um zilhão de funções fantásticas, mas justamente na função precípua dele… ele é uma porcaria?
    – … Dito de uma forma rude, pode ser.
    – Rude ou sincera?
    (Sem resposta)

Crie uma conta no gravatar.com para colocar sua foto nos comentários.

Sempre que comentar em algum blog com o email cadastrado, aparecerá sua imagem.