Ser “ista” vale a pena?

Tags: megadrive, Microsoft, nintendo, pc, playstation, Playstation 2, PlayStation 3, Sega, snes, Sony, Xbox, Xbox 360

Sei que o que vou abordar neste post pode gerar revolta, trollagem, discussões, alguns podem concordar comigo e outros não, mas precisava discutir sobre isso um dia, porque a coisa está feia.

Enquanto eu participava do Grupo do blog no MSN (colocarei o contato no fim do post) acabamos caindo nesse assunto que, infelizmente, gera discussões totalmente desnecessárias.

Tomando partido de uma “briga” que não é sua!

Desde que eu comecei a gostar de jogos e videogames, a minha primeira lembrança de uma disputa entre consoles/empresas foi entre o Super NES (Nintendo) e o Genesis/Mega Drive (SEGA). Isso que eu me lembro, né, me corrijam se estiver errada e ter ocorrido alguma “disputa” antes.

Infelizmente essa rivalidade entre a SEGA e a Nintendo não limitou-se somente às empresas: alguns consumidores da Nintendo (entitulados NINTENDISTAS) e alguns da SEGA (SEGUISTAS) tomaram partido na disputa das duas empresas, gerando algumas discussões “calorosas” (não no bom sentido da palavra) sobre qual console era o melhor, que Tal jogo fodão foi lançado para um e não para o outro por ser o melhor, e assim, infelizmente, caminha a comunidade gamer até hoje. Essa disputa entre SEGA e Nintendo aparentemente encerrou-se quando o DreamCast “morreu” (R.I.P), mas até lá já tinha a Sony com o PlayStation e, anos depois, a Microsoft também entraria no Mercado de Games com o Xbox. Eis que então surgem, além dos Nintendistas, os SONYSTAS e os CAIXISTAS, ou seja, ainda mais pano pra manga.

Alguns argumentos comuns entre briga de “istas”:

Tal jogo é exclusivo pro meu console: esse lance de exclusividade é o que gera a maioria das discussões. Tal jogo saiu somente para um determinado console por causa de CONTRATO que a desenvolvedora do jogo fechou com tal fabricante de consoles. Isso não quer dizer que o console é melhor (tá, o quesito HARDWARE conta muito nessa decisão) mas quem tem que se preocupar com isso são os fabricantes, não os consumidores.

O hardware do meu console é melhor que o seu: um mesmo jogo é lançado para dois consoles concorrentes. Em um o gráfico é mais bonito que no outro e o povo já começa a se alfinetar. Gente, é o mesmo jogo com a mesma diversão, PRA QUÊ DISCUTIR SOBRE ISSO?? Cruzes… O pior é que essas diferenças são TÃO INSIGNIFICANTES que só um(a) bitolado(a) repara no serrilhado na ponta do dedão do pé do protagonista. Eu, hein?

O meu consoles é mais bonito que o seu: AÍ JÁ É BOIOLAGEM, NÉ? FAZÚFAVÔ!?!?!?!

O jogo exclusivo do meu console ganhou vários prêmios: Tá, e daí?

O exclusivo do meu é mais fodão que o exclusivo do seu: zzzzzzzz… nham nham nham… zzzzzzzzz…

Até na Gringolândia tem isso

Por que estou falando tudo isso? Posso ter soado meio “agressiva” mas, gentê, poxa, videogame É VIDEOGAME! Tem um monte de lançamentos novos de jogos. Alguns são exclusivos? Tá, o quesito DINHEIRO pode até atrapalhar, mas o que te impede de aproveitar um pouquinho do console da concorrente (concorrente da empresa do console que VOCÊ gosta, não concorrente SUA, lembre-se disso) pra ver o monte de coisas que tem de legal lá? Vai lá no seu primo endemoniado/vizinho/whatever que tenha o outro console e vá curtir um pouco, conhecer pra ver como é. Pra que ficar com essas briguinhas totalmente sem motivo que pode ocasionar até no fim de uma amizade por um assunto extremamente BESTA, pois um dos lados não deu o braço a torcer?

Sonystas, Caixistas, PCistas, Nintendistas e Seguistas: sei que muitos de vocês lêem o nosso blog, temos um carinho enorme por TODOS, mas na minha humilde opinião, essas disputinhas bestas são totalmente desnecessárias. Poxa, curtam o que saiu de novo, vão na casa do(a) amigo(a), aproveitem para conhecer para talvez comprar futuramente, e ter mais opções para se divertir.

Você, fã de Xbox 360, vibrou quando Metal Gear Rising foi anunciado para o console e sumiu a exclusividade do PS3? Ótimo. Se você gostar, nada te impede de ir jogar no Ps3 do(a) colega para brincar com Metal Gear Solid 4. Sonysta que achou Gears of War o máximo, digo o mesmo. Nintendista que adorou Alan Wake e Final Fantasy Dissidia, procure conhecer.

Lembrem-se, não vamos tomar partido por uma briga que NÃO É NOSSA. Vamos tirar vantagem disso. Olhem quantos jogos estão sendo lançados para competir uns com os outros, cada vez com gráficos melhores, ótima jogabilidade e um enredo de cair o queixo. Então, vamos sentar juntinhos no sofá/puf/cama/seilá e aproveitar uma tarde com os amigos na base do refrigerante e porcarias. SÓ NÃO MELEQUEM O CONTROLE, PELO AMOR DE DEUS!!!!!

Contato do Grupo do Girls of War no MSN: [email protected]

Clarice dos Santos
Share on Tumblr
Feed do Post
81 Comentários em "Ser “ista” vale a pena?"
  1. 14/10/2011

    Eu sou ista. Gamista. Por isso tenho todas as plataformas, dá pra ser imparcial.

    • Clarice dos Santos
      14/10/2011

      Gamista… GOSTEI!!!
      XD

  2. 14/10/2011

    Diga-se de passagem, desenvolvedores de estúdios que competem entre si são, em sua maioria, muito amigos. E já vimos alguns inclusive sendo creditados em concorrentes.

    Acho que muito disso é movido pela lógica de “gastei muito dinheiro com isso, não quero me dar mal”. O problema é que isso já acontece quando você começa a discutir se tal console/PC/MAC é melhor em vez de… jogar!

    Eu vejo um exemplo recente muito legal com a Valve e a polêmica Steam vs. Origin no PC. A EA tirou praticamente todos os seus destaques do Steam e acusou algumas coisas. Já a Valve? Se limitou a dizer “O Origin faz algumas coisas boas, outras ruins”, e não passou disso. Aliás, até falou que é uma competição saudável.

    Espero que isso se espalhe!

  3. 14/10/2011

    Ser um ista e se orgulhar disso, para mim, é o maior atestado de cabacisse, imbecilidade, alienação e de imaturidade.

    Vai ser engraçado qdo daqui a uns 10 anos, até mesmo o conceito de videogame vai mudar. Ou vocês realmente acham que teremos mais do que uma geração de games?

    Enfim… não é esse o tipo de discussão que queremos levantar aqui. O que é bom lembrar é o seguinte:
    -GET A LIFE
    -Se lembre que o seu gosto pessoal em nada e nunca será melhor do que o meu.

    Então… superem isso crianças.

    • leandro(leon belmont)alves
      14/10/2011

      sábias palavras cara, virei seu fã.

    • PH!
      14/10/2011

      Sempre boto fé no q o Thyago fala. Taí um cara grosso e sensato, ao mesmo tempo.

  4. Rafael
    14/10/2011

    Brigar por uma causa tão insignificante não vale a pena, o que é pra descontrair acaba virando guerra. Competição é legal, sendo ela saudável e amigável.

    ;)

  5. Rafa
    14/10/2011

    Essas brigas enchem o saco mesmo, e muitas vezes contaminam.
    Eu comprei um ps3 há quase 2 anos, mas porque eu vi alguns prós que o console tinha em relação aos concorrentes do meu ponto de vista, agora to doidinho pra comprar um xbox360, porque a plataforma tem alguns pontos que me chamou a atenção.
    O seu console é o melhor? Claro que é, mas pra você, porque você não compraria algo que você não considerasse ser o melhor, não é? Mas esse é um ponto de vista pessoal, e tem quem gosta de um e quem gosta de outro.
    As vezes chego a pensar que essas brigas vão acabar ficando igual as brigas no futebol, ninguém sabe porque tá brigando, mas se não é do mesmo time, tá descendo a paulada.

    • Bruno
      14/10/2011

      O lance do futebol foi o que eu tava pensando em postar. Ainda bem que nos eventos de games não tem torcida organizada das empresas, todo mundo joga tudo que tá exposto lá.

  6. thiago
    14/10/2011

    Acho Gears of War a melhor franquia do universo, mas invejo até a morte quem tem ps3 e joga God of War e Uncharted kkkkkkkk Feliz quem tem todos os consoles e uma placa de vídeo da nasa!!!

  7. The Punisher
    14/10/2011

    Isso de “Ista” só faz as empresas enriquecerem mais e mais, pois é exatamente o que elas querem, enquanto esses “istas” estão brigando entre si as empresas de games ganham mais dinheiro e rindo destes trouxas que ficam defendendo esse ou aquele console com unhas e dentes como se isso fosse o ar que respiram. É mais ou menos comparado com filmes de ficção onde se brigava por água ou combustível como, por exemplo, em Mad Max onde eles dependiam disse para sobreviver.

  8. xxx
    14/10/2011

    isso não vai dar em nada…é como quem a galera q lê paulo coelho, stephanie meyer (crepúsculo), harry poter, senhor dos anéis…e a galera q lê os clássicos…ou a galera do cinema europeu x cinema americano…todos tem coisas legais e quem se pode aproveitar…triste é ver q tem gente q ainda só tem ps2, nem tem placa de vídeo razoável, ou seja, tem gente que nem tem…a cla tá mais do que certa

  9. xxx
    14/10/2011

    mas eu acho q x360 deveria baixar o preço….mesmo com a produção nacional …ele deveria ficar na faixa de 400..500no máximo

  10. Sputniik
    14/10/2011

    Ah! ‘Mamiludo’ como diriam os amigos do BaixoFrenteSoco. Cara eu acho uma babaquice esse lance de briguinhas entre os consoles. Sabe quem gosta disso? As empresas! Quanto mais vocês brigam e favorecem uma marca, essa marca ganha bilhões e você não ganha nada, pelo contrário, perde! Como a Clarice mesmo disse, deixem as brigas para as empresas e vamos nos aproveitar disso, assim a indústria evolui para melhor a cada dia. Mas ocorre o contrário!

    A algum tempo a Bebs me disse uma coisa que eu vou levar como um legado, pra vida! Abra a cabeça, não vá na ideia dos outros, prepare-se para conhecer, descobrir, desvendar, comparar. Tenha sua opinião, faça sua opinião. Você não é melhor que o outro porque seu console tem melhores texturas ou porque é full HD. Isso não faz ninguém melhor que outro, nem os consoles são, isso faz a diferença! Uma empresa optou seu hardware para texturas melhores, a outra optou pela tecnologia full HD, você só tem de escolher qual melhor te agrada e pronto! No final de tudo quem sai ganhando são elas.

    Enfim, vamos parar com essa briguinha idiota sem sentido algum. Isso não vai te levar a nada, seu console é o melhor pra você e o console dele é o melhor pra ele. Cada um tem características próprias para tipos diferentes de público. Então deixe de ser alienado e ignorante, enjoy in moderation! (:

    • Sputniik
      14/10/2011

      “Abra a cabeça, tire suas próprias conclusões, isso é ter opinião própria.” Nunca me esquecerei dessas palavras <33

  11. Leonardo
    14/10/2011

    Realmente não há necessidade de tais guerras. Ainda bem que existem tantas companhias para assim haver mais concorrência, logo mais empenho na criação de novos produtos. Comigo não tem essa de ser da Sony ou da Nintendo (nunca toquei numa XBox e já deixei há muito de jogar no PC), a minha PS3 é principalmente para Metal Gears, e só depois eventuais Castlevanias e Onimusha, LEGO Star Wars, DRIVER e algum outro jogo que me apele. Nintendo DS é para Pokémon e Castlevania e lá está, algum outro jogo interessante.
    Acho graça ver em sites de jogos tanta estupidez de fanboys e fangirls por causa de uma companhia (ainda bem que isso não acontece aqui =)
    Uma DÚVIDA: o que são essas “yellow light” e “red light”? Eu já ouvi qualquer coisa sobre PS3 e XBox pifarem quando essa luz do demo começa a piscar mas o que é isso exactamente? Minha PS3 pisca laranja mas não é apenas por momentos e nunca tive qualquer problema por demais.

  12. Leonardo
    14/10/2011

    correcção: “pisca mas É apenas por momentos”

    • Clarice dos Santos
      14/10/2011

      A luz laranja que vive piscando é quanto o PS3 está acessando o HD, carregando alguns dados que o jogo instalou nele, então no problems. A luz verde que tem do lado da laranja é da conexão com a internet. Essa luz amarela aparece quando dá um problema no processador do Ps3 ou outro probleminha na placa (com a Vivi deu problema no HD se não me engano, qualquer coisa ela me corrije), e ela aparece no lugar da luz azul de quando ele tá ligado, se não me engano. Ela pisca rapidinho, dá três apitos e o PS3 desliga.
      No X360 é praticamente a mesma coisa: uma solda na placa “quebra” depois de esquentar DEMAIS e resfriar, aí dá as 3RL. Deve ter outros motivos, mas peço pra que algum leitor me ajude aqui… XD
      As 3rl aparece no “círculo” onde você liga o X360 e fica aceso em verde mostrando quandos jogadores estão conectados. =)

      • Leonardo
        14/10/2011

        Muito obrigado Clarice.
        PS: I STILL PLAY MY SEGA MASTER SYSTEM II! OLDSCHOOL ROCKS FOREVER!!

      • The Punisher
        14/10/2011

        Problema no HD Clarice dá sem aviso prévio, ele simplesmente trava e pronto não nenhum led de cor diferente. Eu também perdi meu HD há quase um mês atrás assim como a vivi, mas a minha sorte é que tinha só um jogo salvo no momento, eu mesmo resolvi o problema comprei outro HD substitui o que bichou e reinstalei a firmware/sistema dele, pra quem desconhece no próprio manual dele ensina como substituir por um maior e/ou fazer a troca do HD que estragou não tem mistério/segredo nenhum. A minha sorte, foi que só havia um jogo salvo no momento, é por essas e outras que é bom montar um HD externo em uma case para fazer backups de segurança dos saves (lembrado que dispositivos externos devem ser formatados em FAT32 para que o PS3 possa reconhecê-los).

  13. jonathan
    14/10/2011

    é obivio q esses ismos não servem pra nada, todo mundo sabe q o pc é melhor :P
    .
    .
    .
    .
    .
    .IT’s A JOKE PEOPLE!

    • leandro(leon belmont)alves
      14/10/2011

      e no Pc tem save state..o/

      tornando aquele game que ia consumir sua vida social numa moleza só. e nos consoles não tem essa opção divina,Deus abençõe os emuladores e seus save states.

  14. 14/10/2011

    Eu adoto a filosofia “vaisefuderista”. :D
    Sorry pelo linguajar, mas não resisti. XD

    Parabéns pelo artigo, Cla! (L)

  15. Clarice dos Santos
    14/10/2011

    Aqui em casa eu e o meu irmão nunca tivemos isso: lembro quando eu era pequena que tínhamos um SNES e um MegaDrive/Genesis na mesinha da sala, lado a lado. Curtíamos OS DOIS, não ficávamos brigando com os amigos falando que Megadrive era uma bosta ou que SNES era lixo. Simplesmente nós curtíamos os dois, e só saímos ganhando com isso. =D

  16. Clarice dos Santos
    14/10/2011

    O povo fica puto da vida por causa de BOSTA,né?
    Quanto a PCs já é diferente: não tem COOOOMOOOO você usar um monte de softwares ao mesmo tempo (até tem, vai): você acha um melhor pra você, pro seu uso diário, e PRONTO! O ridículo são as briguinhas. Dá vontade de falar:”EU USO O QUE EU QUERO, NÃO ENCHE O SACO!!”…rs.
    E bem lembrado isso do DreamCast: tem muito gamer dessa nova geração (pricipalmente os mais novos, que muitos chamam de “Geração PlayStation”) que querem TE MATAR se você ainda curte aquele DreamCast ou o 3DO, Saturn, etc, que você curtia quando era mais novo ou tinha idade deles. Tentam te convencer a qualquer custo que console Old School é uma porcaria…rs.
    O lance é não se importar e curtir! ;)

  17. Hélio
    14/10/2011

    Bom, eu sempre esive com a Sony somente pq a maioria dos jogos q me interessam estão nos consoles dela. Muitas vezes com exclusividade. Eu comprei o PS1 e me apaixonei por Resident Evil, Final Fantasy VII, VIII e IX, Metal Gear Solid, Chrono Cross, Crash, entre tantos outros. E isso me motivou a continuar com a empresa no PS2, pois eu não podia perder as seqüências dos jogos q eu mais amo. Mas nunca estive de verdade com a Sony por ismo, acho isso pura bobagem. Criancice.
    Até já me envolvi algumas vezes em brincadeiras contra a concorrente, mas foi mais pelo prazer de zoar do q por realmente achar q a empresa tal é a melhor.
    Mas comprei um Nintendo DS este ano e gostei muito.
    Acho q ser ista é estupidez, o ideal seria ter todos os consoles (e tempo pra jogá-los, claro xD).

  18. Vivi Werneck
    14/10/2011

    Quem me dera ter grana pra ter sempre todos os consoes disponíveis no mercado. Tenho um PS3 (que comprei suado) e no futuro (assim que as prestações do cartão de crédito permitirem) terei um Xbox 360 tb. Do contrário da briga sem sentido entre alguns consumidores desses consoles, sempre gostei muito de jogar no PC. Isso, teoricamente, me enquadraria na categoria “PCista”, o que tb é ridículo.

    Quem é gamer gosta de jogar em qualquer plataforma, mesmo tendo sua preferida. Essa briguinha é infantil e sem sentido pq, no fundo, todos os “istas” tb desejam ter o console do “inimigo”, por mais que bata o pé e diga que não é verdade.

    Galera, get over it and keep gaming! \o/

  19. 14/10/2011

    Eu sempre me diverti jogando Megadrive
    Eu sempre me diverti jogando Nintendo
    Eu sempre me diverti jogando Playstation
    Eu sempre me diverti jogando Xbox
    Eu sempre achei que nunca me divertiria jogando PC
    Ora, hoje eu me divirto muito jogando PC
    O importante é se divertir. Que perda de tempo é ser um ‘ista’!!
    Ah, eu me divertia com o Atari…

  20. EltonBM
    14/10/2011

    Qual a lógica de implicar com consoles-as empresas tem pontos de vista diferentes e isso é até melhor: isso gera variedade. Vejam esse exemplo: Xbox tem o Master Chief, verde, com a Cortana, “fada” azul, a Nintendo tem o Link, verde, com a Navi. Quem ganha? Não tem como saber e nem precisamos saber. Sabe aquele grande produtor/diretor? Aquele que mistura robôs gigantes com ninjas robóticos e um herói que usa um tapa-olho e um bigode, ou esse era o vilão? Essa pessoa ficou famosa com seus grandes jogos para consoles NEC. A maioria das pessoas que são gamistas não tem a menor idéia do que é, ou foi, a NEC.
    Conhecem o jogo Marathon para Mac? Sabem quem fez esse jogo? Sabem no que esse jogo se tornou depois?
    A Nintendo trouxe o analógico para nossos e comandos por movimento, e claro, os portáteis; a Sega trouxe os serviços online e os gatilhos analógicos e mostrou que os gráficos em 3D podiam ser fantásticos em cosoles; a Sony trouxe os dois analógicos e a vibração(além do famigerado Rez Trance Vibrator!); a MS colocou os serviços online em um novo patamar além de mostrar que o ocidente podia trazer um console de respeito e fixou os controles sem fio como o padrão de agora em diante.
    Essa versão resumidíssima da história dos jogos (RIP Gerald Anderson Lawson) só ajuda a mostrar que a cada nova geração, cada empresa, na sua busca por um lugar mais aparente para os consumidores, geram mais inovação.
    Como já disseram antes, eu queria ter vários consoles, Agora mesmo, tenho meu DC ao lado do meu PS2 e do meu 360, fora meu PC, com suas plataformas online. Devo conseguir terminar o ano com um Wii ou 3DS, meu segundo Nintendo até hoje.
    Variedade é sempre melhor que um mercado composto por uma única empresa controlando como tudo deve funcionar.

  21. leandro(leon belmont)alves
    14/10/2011

    Eu sempre me diverti jogando Megadrive
    Eu sempre me diverti jogando Nintendo
    Eu sempre me diverti jogando Playstation
    Eu sempre me diverti jogando Xbox
    Eu sempre achei que nunca me divertiria jogando PC
    Ora, hoje eu me divirto muito jogando PC
    O importante é se divertir. Que perda de tempo é ser um ‘ista’!!
    Ah, eu me divertia com o Atari…

    é isso mesmo Saulo, que se dane as comparações, o importante é jogar e curtir o seu game e console.

    e me divirto mais jogando o emulador do Sega Saturn e de outras velharias maravilhosas como SNES,MEGA,NES,ATARI… do que um PS3 que o meu primo deixou aqui em casa com GOW 3.

    Retrogamer com orgulho.

  22. 14/10/2011

    xD Sou um feliz dono de um PS3, já brinquei muito com amigos dizendo que Sony é a melhor, porém só na zoa. Tanto que a parada agora é trabalhar conseguir, quem sabe até o natal, comprar um Xbox 360 (Sacanagem mesmo é daqui a pouco sair o 720 ¬_¬)

  23. Carcaju
    14/10/2011

    Eu confesso que tenho a Nintendo no coração… Eu conheci o Mario pelo Atari, depois no Nintendinho, e por ele, conheci Zelda, Metroid, depois o Super Nintendo e por aí vai. Mas também tive o Master System, e na casa dos amigos jogava bastante Mega Drive, que nos deu jogos tão divertidos quanto os da concorrente, como o Psycho Fox, Sonic, Strider.

    Apesar de ter a Nintendo como favorita, não me fecho só a ela, até porque ninguém vive só de Mario e Zelda, mas vendi o Wii e peguei o PS3. Poderia ter pego o 360, mas jogos como God Of War, Heavenly Sword e outros foram fundamentais na escolha.

    O que quero dizer com tudo isso é que você pode sim ter a sua preferência, mas bitolar em uma só empresa e execrar as outras… acho isso muito vacilo. Quero muito que o WiiU seja um sucesso (apesar de não levar muita fé), desejo que a Microsoft continue na treta dos consoles, mas enquanto o PS3 continuar me dando mais alegria que os outros, é com ele que eu fico. Só dá uma pontinha de tristeza de não poder jogar o Skyward Sword e Mario Galaxy 2…

    • Carcaju
      14/10/2011

      Só pra constar, acho que a minha melhor fase de gamer foi na geração passada. Eu trabalhava em 2 empregos para dar uma força em casa, comprar o meu carro e ir pra balada todo fim de semana, rs… mas conseguia usar a grana para manter os games também, e na época, consegui manter ao mesmo tempo o Play 2 e o GameCube. Assim, eu podia ter as exclusividades e escolhia o multiplataforma que mais me agradasse. Por exemplo, todos sabem que o controle do GameCube era horrível para jogos de luta, então preferi o Soul Calibur 2 do Play2.

  24. Hélio
    14/10/2011

    Não vejo razão em ser ista já q as pessoas são diferentes e possuem gostos diferentes. Fora q, por mais q eu seja fã da Sony, é difícil não querer jogar um New Super Mario Bros da vida ou um Halo. Enfim, eu invejo fortemente a exclusividade de Gears of War na caixa e tenho certeza de q muito dono de xbox inveja mgs4, etc. O ideal seria mesmo ter um PC da NASA evoluído uns 20 anos na nossa frente pra poder emular logo os consoles q não temos nesta geração. Só assim pra poder jogar de tudo.

  25. Fabio Lizak
    14/10/2011

    Nada a ver esse negócio de ismo, ista. Até porque todo mundo sabe que o Xbox 360 é o melhor console do mundo ¬¬

    Mas falando sério, o principal problema é que quem gosta mesmo de games ou trabalha na área quer debater todos os aspectos. Qual console tem exclusivos mais legais, tem o serviço online melhor, o console melhor, os periféricos mais legais, a dashboard melhor… Não acho que nenhum assunto deveria ser proibido, inclusive qual console tem o hardware mais potente, porque não?
    Uma hora ou outra você acaba se perguntando “Mas e ai? O Gears 3 tem gráficos melhores que Uncharted 3? Qual videogame tem o hardware mais poderoso afinal?”.
    Mas se você faz essa pergunta pra um ista… fudeu!
    Eu já salvei Heavy Rain, MGS4, Heavenly Sword e fico babando por Uncharted que joguei só um pouco mas achei demais. Eu sei que a live é careira, que o Ps3 roda bluray, que os jogos no 360 agora terão 3, 4 discos devido ao tamanho, que o BF 3 vai ter gráficos melhores no PS3, fato (o beta já tem).
    Mas apesar disso tudo meu videogame preferido continua sendo o Xbox 360. Já estou no meu segundo (dessa vez bloqueado, usando jogo original tudo conforme a lei, bunitin :D) Por que? Nem eu sei, mas é o meu console preferido. E a vontade ter um play 3 continua…

  26. Rodrigo
    14/10/2011

    Vamos jogar todos os jogos do mundo e ser feliz…tanta coisa pra se preocupar e as pessoas querem ficar sendo “ista”….fala sério.

  27. georges
    14/10/2011

    Ridículo!
    Eu queria saber como é o dia-a-dia das pessoas que provocam essas briguinhas inúteis.
    Se fossem crianças de pelo menos uns 10 anos eu até poderia entender, mas a gente vê muitos marmanjos brigando por isso também. É tipo de pessoa que não tem nada pra fazer e fica tentando desesperadamente tirar vantagem de alguma coisa pra se sentir importante ou sei lá.

    O que importa é que temos videogames!

    • Angelo
      14/10/2011

      Desde que a humanidade desceu da árvore ou apareceu magicamente no mundo existe o papo do “meu deus é melhor que o seu”,”meu time é melhor que o seu”, “meu piu-piu é maior que o seu”.Isso não vai acabar nunca só vai migrar.
      O legal é apenas colocar pilha em quem leva isso a sério =D

      • georges
        14/10/2011

        Eu faço isso direto!
        HAHAHAHAHHAHAA

  28. 14/10/2011

    Como foi dito no primeiro comentário eu tbm sou ista, gamista. Odeio abrir sites de games e ler comentários ista, soam mto maldosos e grosseiros. Po, essa galera perde mto tempo debatendo sobre o que é melhor e o que é pior e acaba perdendo o que há de mais divertido em jogar videogame que é a variedade, orra, pra mim cada console com suas exclusividades tem jogos que tornam a experiência melhor, por exemplo, ps3 tem uncharted e god of war, wii tem mario zelda e metroid, xbox tem halo e gears of war… Sinceramente o que eu não daria para ter cada um desses consoles com esses jogos, sempre pensei assim desde o começo.

  29. DiEg0w
    14/10/2011

    Falow tudo Clariceee!!!
    Eu odeio essa discussão sobre qual console é melhor, q PC é melhor e bla bla bla. Sempre digo q cada um tem seus Prós. Xbox tem Gears of War, Play 3 tem Uncharted, god of war…
    PC tem graficos melhores. E dai???
    Eu tenho um Xbox e comprei um PS3 pq não aguento mais ver esses exclusivos q saem e não posso jogar. Isso ae galera. Joguem de tudo

  30. Diego
    14/10/2011

    E Pensar que ja participei dessas discussões.. hoje nem ligo.. o importante é ser gamista e feliz :D

  31. 14/10/2011

    Vamo lah…
    Me divertia horrores jogando River rage(acho que er isso) no Atari…, Alex kid o master… Final Fantasy no Nes, Sonic no Mega, Mario no Snes, vitual figthers no saturno, tinha um de 3DO que não lembro o nome era um de moto muito bom, quem nunca ficou jogando GoldenEye no N64 com os amigos… Play1 e Play 2 nem se fala… Mario strike pro cube e phodastico…. Quem sabe aproveitar os consoles tem muito a ganhar…

  32. Ze
    14/10/2011

    Não tenho PS3. Queria.
    Não tenho Xbox 360. Queria.
    Tenho um Wii. Legal.
    Tenho um PC ótimo. Beleza. To feliz.
    O problema é que a maior parte das pessoas não tem dinheiro o bastante pra comprar todos os consoles (como eu), e para se sentirem melhores se iludem, fazendo-se imaginar que compraram o melhor e que não precisam de mais nenhum deles. Eu já sofri de caixismo, nintendismo e sonismo. Mas hoje estou curado, não sofro mais dessas merdas todas. Não tenho Xbox, mas gosto muito dele, queria ter um e às vezes vou na casa de amigos meus pra jogar. PS3 é a mesma coisa, mas meus amigos não tem. Entre um e outro, eu pessoalmente prefiro o PS3, mas to feliz com o meu PCzinho.
    Eu gosto dos jogos, não dos consoles. Não vai fazer diferença se eu jogar Assassin’s Creed II no Xbox 360 ou no PS3, o que vai fazer diferença é o Ezio Auditore da Firenze e ponto.
    Eu queria muito comprar os outros consoles e jogar na Live e na PSN, mas fazer o quê? SOU POBRE, PO$#*!! Mas não é por isso que vou ser pobre na mente e aderir a algum ismo, né. ¬¬
    Falou e disse, Clá. Esse blog não me decepciona.

  33. The Punisher
    14/10/2011

    Eu gostei de todos os consoles que tive na vida, e pra ser sincero tive quase todos que saíram no mercado, mas claro um por vez quem sou eu pra ter mais de um com esses preços elevados? A única exceção foi quando eu ainda tinha um Dreamcast muito tempo depois comprei o PS2 e pra ser franco achava o DREAMCAST bem mais divertido por ter jogos mais variados e jogos em que se podia jogar miltiplayer ao contrário do que aconteceu a partir do PS2 em que 98% dos games são para um jogador e que só é possível multiplayer online e não off para poder se jogar com amigos em casa, ou seja, lá com quem for. Sem dizer que a maioria dos jogos da atual geração são jogos mais pode se dizer mais sérios em que se tem que cumprir determinada ação/missão e pronto não se tem tanta diversão como antigamente com exceção de um ou outro jogo, e como não sou muito fã de jogos de futebol (falando nisso acho bastante engraçado uns e outros que só compram um videogame só pra jogar jogo de futebol e nada mais) fico meio que órfão nesse sentido, cadê os games mais descompromissados ode se pode se divertir mais como se tinha antigamente? É por isso também que gosto muito de jogos estilo Beat-‘Em-Up em que se pode ir mais de um jogador.

  34. 14/10/2011

    Concordo plenamente. Recentemente escutei um discursinho barato mais ou menos sobre isso aí – Nintendo é melhor que a Microsoft, Sony é melhor que Nintendo mimimi e na boa, é melhor o que é melhor pra você. Eu gosto do meu Xbox, mas comprei um DSi que virou peso de papel. Isso prova que a Microsoft é melhor que a Nintendo? Não, simplismente eu tenho preferência por A e não por B, coisa pessoal e ninguém tem o direito de apontar o dedinho pra dizer que eu estou errada.

    Já tive um PS2 e se tivesse dinheiro compraria um 3 sem problemas. Tudo questão de bom senso, não precisa toda essa ostentação que o povo cisma em fazer e mania de querer questionar as decisões alheias.

  35. André
    14/10/2011

    Eu sou um neutrista(neutro), ou seja, o que me importa são os jogos, independente da plataforma.

  36. Juliano
    14/10/2011

    “Sonystas, Caixistas, PCistas, Nintendistas e Seguistas: sei que muitos de vocês lêem o nosso blog, temos um carinho enorme por TODOS, mas na minha humilde opinião, essas disputinhas bestas são totalmente desnecessárias.”

    Ou só tem santinhos aqui ou acho que os ‘istas’ se envergonharam de tais atitudes, e talvez uma terceira alternativa, os ‘istas’ não lêem o blog.

    • Hélio
      14/10/2011

      Não tem santos aqui, mas têm pessoas com mais de 20 anos q já passaram dessa fase boba.

      • Shinobi-kun
        14/10/2011

        Tou tão viciado em facebook q quase apertei “curtir” na resposta do Hélio xD #sério!

  37. Clarice dos Santos
    14/10/2011

    Gente, vocês não têm NOÇÃO do quão fiquei com medo de postar esse texto, com medo de houvesse muita discussão, sei lá,né… E me deparo com esses comentários gigantescos com a mesma linha de pensamento.
    Amo vocês!!! <3

    • Shinobi-kun
      14/10/2011

      Venhamos e convenhamos: a discussão sobre o novo Dante rendeu muito mais flame war q aqui .-.
      Sério, até mesmo as produtoras derrubaram esse tabu: jogos tidos como exclusivos surgem como multiplataforma (MGS, Mass Effect, Final Fantasy, Devil May Cry…). Exclusivo, exclusivo MESMO só os da própria Sony, Nintendo e Microsoft, já q passou a ser muito mais lucrativo jogar pra todo mundo ter.
      Eu não tenho nenhum console nova geração, e meu PC apelidado carinhosamente de “carrocha” não roda nem vírus (minto: roda emulador de DS), mas tou trabalhando pra comprar um PS3 por um unico motivo. Dica: começa com “U” e termina com “ncharted” x)
      se não fosse por isso, ficaria muito na dúvida entre um X360 e um wii. Para mim, os exclusivos da caixa, a possibilidade de jogar com a minha avó no branquinho e o preço mais baixo de ambos me conquistam muito mais (Hélio q me perdoe, mas GOW não é bom motivo pra ter console. Bom game sim, mas não motivo. Gosto pessoal, whatever .-.)

      • Hélio
        14/10/2011

        Por incrível q pareça, eu concordo com vc. GOW 3 não é um grande motivo pra ter o PS3. GOW 3 é o pior da série na minha opinião, me decepcionei esperando algo espetacular e vendo só um game forçado q tenta ser épico mas falha miseravelmente. Foi um bom jogo, mas nada além disso.
        Mas Uncharted, Heavy Rain e MGS4, entre tantos outros, são mais do q motivos pra se ter o PS3: são fortíssimos exclusivos q, na minha opinião, fazem do PS3 o melhor console desta gen, mesmo tendo vendido menos q o Wii.

        • Shinobi-kun
          15/10/2011

          Concordo em genero, numero e degrau: e, além desses, incluo tbm infamous na listinha.
          Não q eu tenha me divertido com os primeiros GOW, muito pelo contrario. Mas acontece q eu gosto de sentir a emoção quando jogo, aquela sensação d q aquele game é único, incomparavel. Claro, um amigo tendo eu peço emprestado, mas eu num pago 100 conto pra ter não…
          É q nem jogo de tiro: não tou com metade da vontade de jogar nem MW3 tampouco BF3, apesar de ter me empolgado pacas com o trailer, mas tenho uma necessidade animal de jogar Bulletstorm…

  38. helinux
    14/10/2011

    essa questão de qual sistema ou video game melhor também se via em revistas de video game…uma era totalmente nintendo e outra sega, no final virando uma união das duas revistas, e que todo mundo conhece aqui. A eletronic arts quando era exclusiva da sega por um tempo,,,muitos achavam que a empresa iria investir mais em jogos de esportes e na época do the imortal acabou lançando a versão para o nes também!!!!!jogos em pc também fez com que a eletronic arts se expandisse mais em relação a outros sistemas atuais…
    já vi muitos jogos que em determinados consoles eram bons e em consoles inferiores melhores ainda…as vezes recursos tecnológicos não chega a superar a simplicidade. Muitos jogos do master system eram melhores do que mega drive.

  39. Rodrigo
    14/10/2011

    De boa se eu tivesse muito dinheiro eu ia é comprar(desculpa o termo galera) a porra toda e jogar a porra toda até meus polegares cairem ou grangrenarem…..mas não tenho(ainda), então fico com o que tenho e sou feliz e tbm ficar nessa ladainha de “ista” e pra quem tem tempo né….trabalhando e com minha namorada cheia de ódio e ciúmes do meu videogame eu tenho é sorte dele não ter quebrado-o na minha cabeça…huhuhuuaaaaa

  40. Fabão
    14/10/2011

    tudo bem ter uma preferencia por uma plataforma e tudo bem em querer tirar sarro com outras plataformas q não seja a sua preferida… o problema é nego q leva isso a sério demais e perde as estribeiras, pra mim esse ismo exagerado não tem nada haver com games e sim com gente babaca… o msm tipo de gente babaca q briga no estádio qnd o time perde, o msm tipo de gente babaca q não aceita ser contrariado e o msm tipo de gente babaca q não sabe aceitar qnd está errado…

    • Juliano
      15/10/2011

      pra mim esse ismo exagerado não tem nada haver com games e sim com gente babaca… o msm tipo de gente babaca q briga no estádio qnd o time perde, o msm tipo de gente babaca q não aceita ser contrariado e o msm tipo de gente babaca q não sabe aceitar qnd está errado…

      —–

      gostei dessa parte aí, pois quase briguei com um amigo (ou nem sei ainda se não brigamos mesmo) por causa disso, ele não quis admitir estar errado, a discussão era sobre pirataria e não vejo como uma pessoa pode ser tão hipócrita em dizer ser contra a pirataria e ao mesmo tempo ter jogos de pc comprados no camelô, curtiu na adolescencia e infância um super metroid piratão, viveu o ps2 a jogos piratas, não compra um cd de música original e usa windows pirata, em contrapartida agora tem um ps3 e uns 25 jogos originais, só isso que conta a favor de ser contra a pirataria, de resto, mantém pirateando, não curto hipocrisia

  41. PH!
    14/10/2011

    Cara, faz muito tempo q não encontro um ISTA. Não acredito que ainda tem gamer pensando assim. Com os videogames cada vez mais acessiveis economicamente, muito maluco que conhecia está reconhecendo tb a capacidade e diversão oferecida pelos outros consoles.

  42. Shinobi-kun
    15/10/2011

    Detalhezinho: Cla, meu anjo, vc prometeu o contato do grupo do msn no fim do post, mas até agora nada… .-.

    • Clarice dos Santos
      15/10/2011

      É coração, percebi isso ontem, deixei pra colocar depois do serviço e acabei esquecendo de novo… ._.
      Sorry^^’ Estou colocando! rs

  43. Juliano
    15/10/2011

    Não tenho os videogames da última geração mas se fosse adquirir um, seria um Ps3 porque achei o Uncharted legal, jogar SSF4 online também é muito bom mas principalmente, fiquei babando quando vi aquele jogo Valkyria Chronicles,esse sim me deu inveja de quem tem o videogame. E na verdade nem sei se esse jogo é exclusivo, só sei que tem um pra Psp também, o que me servia e muito pois gosto de jogos de estratégia.

  44. 15/10/2011

    É como o meu amigo Nesbitt do blog RetroNewsForever dizia: “O dia que empresa de videogame colocar comida na minha mesa, eu defendo com unhas e dentes.” :-)

    Abraço!

  45. xxx
    15/10/2011

    eu gosto do ps3, mas se der um psp,placa de vídeo, n3ds, wiiu psvita, xbox360, placa de vídeo ou até outro ps3, enfim qualquer outro…a casa tá aceitando kk

  46. Cayo
    15/10/2011

    Qualquer tipo de fanatismo é doentio e só o próprio fanático que perde.

    • The Punisher
      15/10/2011

      Fechou…é como essas menininhas que defendem seus ídolos com unhas e dentes e até ofendem os outros caso alguém fale algo como exemplo quando diz que não canta droga nenhuma. Tem coisa mais idiota, estúpida e sem noção do que uma pessoa brigar por algo ou alguém que nem sabe que ela existe e está ganhando o dinheiro dela do mesmo jeito?

  47. fabio soares
    15/10/2011

    Isso é realmente da natureza humana, e nunca vai acabar.
    Sujeito que mora em São Paulo rivaliza com quem é do Rio de janeiro.
    Sujeito que mora na Zona Sul rivaliza com que é da Zona Leste.
    O que mora na rua de sima é contra os que moram na rua de baixo.
    Os que torcem pra qualquer time são todos unidos contra o Corinthians e assim sucessivamente em tudo que se possa imaginar e no mundo gamer não é diferente.
    Quando se esta jogando na live ou na psn existe rivalidade entre argentinos e brasileiros, de quem joga fifa e de quem joga PES, de quem joga COD contra quem joga battlefild.
    Isso faz parte mesmo.

  48. 16/10/2011

    Nem todo ista é ruim, também.

    Tem gente que se descabela com esse negócio de ser um apaixonado por uma fabricante de consoles. Se xingam, e tal. Eu, particularmente falando, adoro zuar também, com meus colegas, mas sem partir para a ofensa, sempre dentro dos limites do razoável e do saudável.

    Vejam bem: eu sempre fui sonysta. O único videogame que eu tive de verdade (fora os que meu irmão mais velho tinha, e que jogava de vez em quando) foi o Playstation. Logo, pode-se dizer que sou da geração Playstation. Um segundo videogame: Playstation 2. Um terceiro videogame: Playstation 3. No futuro terei um: Playstation 4. :)

    Sempre adorei a Sony, e sempre botei fé nela. Na época do Play, eu não via um concorrente à altura. Eu até jogava 64 e Dream na casa dos meus amigos (amo Shenmue 1 e 2 de paixão, assim como Zelda: Ocarina of Time e Star Fox 64), mas eu nunca pensava algo do tipo: “eu compraria um Nintendo 64 ou um Dream”. Não, de forma alguma, o único console que me oferecia a maior gama de jogos que eu curtia era o Playstation, e ponto final. Metal Gear, Resident Evil, Silent Hill, Gran Turismo, Need for Speed, Alundra, Final Fantasy, Ace Combat, Twisted Metal, Crash Bandicoot, Rayman, blá, blá, blá, posso citar mais uns 150 nomes aqui.

    Na época do Play 2, também não enxergava um concorrente à altura. Já joguei Gamecube (Fechei Zelda: Wind Waker, Eternal Darkness, Pokémon Colosseum, Pikmin e outros. Super Mario Sunshine, Resident Evil Zero e Resident Evil Remake estão na lista de games que joguei, mas não fechei e anseio pelo dia em que irei fechá-los) várias vezes, e também Xbox (Halo era uma das minhas séries prediletas), mas nunca cogitei a hipótese de comprá-los. Preferia o Play 2. Basicamente por causa de jogos como Grand Theft Auto, Black, Bully, Kingdom Hearts, Burnout, Call of Duty, God of War, Devil May Cry, Prince of Persia, Max Payne, Fatal Frame, Killzone, Onimusha, entre muitos outros, sem contar, claro, as continuações das minhas séries prediletas de Play 1.

    Aí, chegou a era Play 3. Eu nunca vi uma era tão disputada, tão repleta de bons games em todos os lados. Eu continuo sonysta de coração, e, se alguém me pergunta: “qual videogame da nova geração você acha que eu devo comprar?”, eu respondo sem pensar duas vezes: Playstation 3. Mas eu devo afirmar: nunca joguei tantos games da “concorrência” antes. Tenho amigos com Xbox 360 e outros com Wii, e ouso dizer que já fechei tantos games em consoles da concorrência quanto no Play 3, se não mais. Eu adoro God of War 3, Metal Gear 4, Killzone 2 e 3, Resistance, InFamous, Uncharted, Heavy Rain, Little
    Big Planet, Valkyria chronicles e todos os multi-plataforma lançados para meu console. Mas isso nunca me impediu de ter fechado os Gears of War, Alan Wake, Zelda: Twilight Princess, Fable 3, Metroid Prime 3, Mario Kart Wii, Super Mario Galaxy, entre muitos outros. Hoje em dia, ainda não cogito comprar um Xbox 360 ou um Wii (prefiro gastar minha grana com mais games) porque posso jogar tranquilamente em amigos, mas afirmo que não vejo TANTA diferença entre um console e mais não. Está bem equilibrado.

    Bem, em si, me orgulho por ser sonysta de tradição, mas, ao mesmo tempo, ter a mente aberta para jogar games de todos os consoles sem nenhum problema. Game é game, não tem conversa. Todos os consoles tiveram games bons e ruins, e discutir qual lado da cerca tem a grama mais verde é viadice. A escolha do console depende apenas do jogador, e não tem argumentos da oposição que interfiram nesse processo de escolha.

    com disse, tenho amigos variados. Uns são seguistas de coração (sim, tenho amigos seguistas até hoje), outros nintendistas e uns poucos caixistas. A gente discute e tira sarro um do outro toda hora, só que apenas de brincadeira, sem jamais partir para uma ofensa pessoal ou algo do tipo. Cada um defende o console que mais gosta e depois joga o console do outro. Em resumo: tem como ser “ista” de um modo saudável, hehe.

  49. Flavio
    16/10/2011

    Eu comprei um Xbox no inicio do ano passado, mas tava de olho num PS3 tmbm. Peguei um emprestado com um amigo por um finde e joguei God of War 3 e Metal Gear 4. Pronto, foi surgir uma oportunidade mes passado e comprei um pra mim. Nunca fui, nem nunca serei ista. Como foi falado, sou gamista. E isso vem desde meu primeiro master system que dividia a estante com o NES. E dai por diante, mesmo se eu tivesse só um dos consoles, arrumava um jeitinho de jogar algum game do outro, seja na casa de amigos ou nas locadoras. Temos várias opções, vamos usar isso a nosso favor, não contra!!!

  50. xxx
    17/10/2011

    bons comentários , galera;D

  51. Heitor
    17/10/2011

    Já ouviu falar que “Futebol, política e religião não se discute”? Então, agora é “Futebol, política, religião e console não se discute”.
    Isso é a mesma discussão não tem como provar quem é melhor que quem num geral, um é melhor que o outro num quesito e no outro não, e no fim o que mais conta é o gosto pessoal de cada um individualmente e somente dele. (ta, nem sei se eu entendi esse pleonasmo direito, mas acho que a mensagem foi passada).

    Comparam coisas que não tem como comparar, não tem como comparar Wii com PS3/XBOX com PC. São 3 experiências de jogos COMPLETAMENTE diferentes. OK, no PC e no Wii da pra jogar com joysticks tradicionais, mas isso nunca entra nas discussões.

  52. CPR
    17/10/2011

    “Então, vamos sentar juntinhos no sofá/puf/cama/seilá e aproveitar uma tarde com os amigos na base do refrigerante e porcarias” Olha, não é querendo ser pessimista não mas, já sendo, foi se o tempo que a galera passava horas na casa de um amigo jogando clássicos como SF, MK, Rock ‘n’ roll racing, tog gear, mario kart, killer instinct, megaman, donkey kong, metal warriors, final fight (que na época a galera chamava tudo de “briga de rua” rs), goldeneye e o impagável “campeonato brahileño novienta e seis” (até eu joguei isso e olha q nunca curti muito futebol rsrsrs). Hoje em dia é cada um no seu quadrado (jogando o seu videogame). Bons tempos aqueles. Quem viveu, viveu. É curioso ver os jogos hj privilegiam uma experiência cada vez mais solitária (me refiro aos jogos de PS2/PS3, q são consoles q tem bem poucos jogos onde dá pra jogar “de dois”). Pq uma coisa é jogar online, outra é a interessante e interativa experiência “multiplayer” de um passando o controle pro outro (como se fazia no meu tempo rsrs). “Quem perder passa vez”, “pareia é minha”. Cara eu fico triste por essa infância, adolescência de hoje que simplesmente desconhece isso. Hoje em dia, tenho um PS2 (tenho vontade de comprar um ps3, mas não tenho pressa). Curto os jogos (tem uns bacanas e outros nem tanto) mas é fato que nunca mais vai existir jogos como aqueles q eu falei lá em cima.

    Quanto aos “sonystas, nintendistas, caixistas” pra mim é um pessoal q não dá pra se levar a sério. É o típico da pessoa q, geralmente, fala um monte de merda e pensa q tá abafando. Esse pessoal, simplesmente, não tem senso do ridículo. Tenho pena deles.

    • Juliano
      17/10/2011

      Faltou o botão “Curtir”, realmente falou tudo que eu penso sobre isso. Antes sem internet a experiência era juntar uma cambada de amigos e jogar por pura diversão, não esqueço a vez que um guri aqui que tinha o snes levou pra garagem lá de casa e daí outros quatro se organizaram pra irem na locadora(de bicicleta, um carregava o outro) alugar o tão badalado Mortal Kombat 2 e tinha mais um jogo, mas o Mortal era o objetivo principal, enquanto a fita não chegava, pessoal ficou passando o tempo com Mario World. Hoje em dia mesmo com online, eu não deixo de ver a experiência como algo forever alone, tem seu lado bom de encontrar gente pra jogar a qualquer momento, mas seria mais jogar por jogar do que jogar e interagir.

    • Clarice dos Santos
      17/10/2011

      “Teeeempo Booomm, não vooolta maaaaiss…”
      =(

  53. Fernanda Martins
    18/10/2011

    Eu sempre fui a garota do Playstation. Tenho o 1, 2… e quando chegou a nova geração li muuittoooo. Acabei comprando um Xbox 360 e não me arrependo de ter quebrado o tabu! Agora vou pros EUA e trazer um PS3 pra mim (espero) e que se dane as guerras. O importante é jogar… jogar e jogar!

  54. Arthimes
    19/10/2011

    Para resolver qualquer problema eu comprei os dois….rs Nada como o melhor dos dois mundos….

  55. 22/10/2011

    Acredito que tudo que disseram aqui não é muito relevante.

    Não sei pra que essa discussão se o Nintendo Wii é o melhor console.

    Todos iriam lutar de todas as formas pra provar que os outros dois são melhores, já vi esse tipo de post em outros blog’s e sites e geralmente todos concordam que discutir qual é o melhor é besteira. Mas isso só acontece nos comentários do post, fora dele a coisa é bem diferente. Por ter soltado esse comentario solto, talvez ninguem chegou a ler o resto do comentário só pra começar a me chamar de babaca nas repostas, mas aceitem que todos sentiram uma pontinha de vontade pra dizer “meu ps3 tem graficos melhores que o do wii” ou “wii nem é console”.. já vi bastante isso

  56. douglas
    25/10/2011

    Comprem o que gostarem + , simples assim .

  57. Breno
    27/10/2011

    “- O hardware do meu console é melhor que o seu: um mesmo jogo é lançado para dois consoles concorrentes. Em um o gráfico é mais bonito que no outro e o povo já começa a se alfinetar. Gente, é o mesmo jogo com a mesma diversão, PRA QUÊ DISCUTIR SOBRE ISSO?? Cruzes… O pior é que essas diferenças são TÃO INSIGNIFICANTES que só um(a) bitolado(a) repara no serrilhado na ponta do dedão do pé do protagonista. Eu, hein?”

    A autora do artigo desconhece a definição de um port e como isso afeta no desenvolvimento de jogos(dica:não é só em termos de serrilhado,mas em AI,niveis e gameplay).é por causa dessa ignorancia que hj em dia tudo é nivelado para o hardware mais simples(consoles de 6 anos atras)

  58. helinux
    09/01/2012

    hoje em dia jogo muitos jogos antigos de nes e atari,,,não tinha tanto jogos como hoje,,,infelizmente antigamente tinha tempo e não tinha dinheiro…hoje em dia não tenho tempo para jogar esses jogos,,,mas não me limito apenas a ficar no psx(que ainda jogo) ou no mega drive(que ainda tenho com orgulho),,,jogo snes sempre,,,raramente estou jogando no ps2 que está encostado,,,infelizmente e felizmente os jogos de antigamente ainda me atrai,,,,gosto muito dos jogos antigos e de pc também,,,,gosto é gosto e não tem como ser questionado!!!obrigado!!!!

Crie uma conta no gravatar.com para colocar sua foto nos comentários.

Sempre que comentar em algum blog com o email cadastrado, aparecerá sua imagem.